Como tratar e previnir as causas da decadência do louvor

Como tratar e previnir as causas da decadência do louvor

Atualizado: Quarta-feira, 15 Fevereiro de 2006 as 12

Como tratar e previnir as causas da decadência do louvor

Sugestões para eliminar as causas internas   

Abraão Lincoln

[email protected]  Para eliminar a causa administrativa, se o obreiro não pode ou não quer tratar diretamente dos assuntos musicais em sua igreja, então deve orar ao Senhor a este respeito, pedindo-lhe orientação para estabelecer um músico capaz técnica e espiritualmente à frente de cada atividade musical da igreja; senão, crie-se a área de louvor sob a supervisão de um membro do ministério, que seja músico subordinado ao pastor da igreja, e viva no Espírito de Deus. Para eliminar a causa dos diferentes métodos, o obreiro deve basear-se principalmente nas Escrituras Sagradas. Assim, aqueles cooperadores, iniciantes no evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo, conviverão com seu líder durante o período de aprendizagem, adquirindo através dele conhecimento bíblico e tendo oportunidade para experiências pessoais com Deus e a Sua Igreja. Quando vierem a ser separados para o ministério da Palavra, haverá então um histórico de cada cooperador que sustentará a sua aprovação, de modo que os riscos de desvio da sã doutrina ou falta de recursos divinos para provisão da Igreja de Deus serão assim minimizados. Ademais, ninguém seja apresentado para o exercício ativo do ministério da Palavra de Deus, simplesmente porque é formado em teologia, mestrado ou doutorado. Lembremo-nos de que cursos teológicos, institutos bíblicos ou até mesmo faculdades de teologia, mestrado ou doutorado não são suficientes nem qualificam ninguém para o real exercício do Ministério da Palavra de Deus, pois as Escrituras Sagradas não devem ser tratadas como português, geografia ou qualquer outra ciência humana em que o bacharel tem o direito de exercer sua reconhecida profissão; para ser ministro de Deus é preciso ser chamado por Deus, pois quem dá ministério é Deus. Como se não bastasse, em S. Marcos 11:17 está escrito assim:

"E (Jesus) os ensinava dizendo: Não está escrito " A minha casa será chamada por todas as nações Casa de Oração""

Lamentavelmente, eu já testemunhei culto ocorrido em uma Assembléia de Deus, que foi iniciado sem oração e encerrado sem pregação, nem leitura da Bíblia.

Portanto, se uma igreja não for casa de oração e o que nela se cantar não for para louvar a Deus, francamente penso que tais ambientes perderam a razão de ser.

  Definição do tema "MÚSICA E ADORAÇÃO"

 "Então o Diabo, levando-o a um lugar elevado, mostrou-lhe num relance todos os reinos do mundo e disse-lhe: Dar-te-ei  toda a autoridade e glória destes reinos, porque me foi entregue e a dou a quem eu quiser; se tu, pois, me adorares, será toda tua. Respondeu-lhe Jesus: Está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás e só a ele servirás". " S. Lucas 4:5/8.

Conforme as Escrituras Sagradas, está claro que a ADORAÇÃO é só para Deus. Pergunta-se: E a MÚSICA também"

Em S. Lucas 4:5/8, notamos que a pessoa que falava a Jesus era o Diabo, ex-Lucifer, um antigo músico celestial!

Leiamos todos em Ezequiel 28:12/15. Na Bíblia sagrada traduzida em Português por João Ferreira de Almeida, edição revista e corrigida, está escrito assim:

"Filho do homem, levanta uma lamentação sobre o rei de Tiro, e dize-lhe: Assim diz o Senhor Jeová: Tu és o aferidor da medida, cheio de sabedoria e perfeito em formosura. Estavas no Éden, Jardim de Deus: toda pedra preciosa era tua cobertura, a sardônia, o topázio, o diamante a turquesa, o ônix, o jaspe, a safira, o carbúnculo, a esmeralda e o ouro: a obra dos teus tambores e dos teus pífaros estava em ti; no dia em que foste criado foram preparados. Tu eras querubim ungido para proteger, e te estabeleci: no monte santo de Deus estavas, no meio das pedras afogueadas andavas. Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que foste criado, até que se achou iniqüidade em ti". " Ezequiel 28:12/15.

 Notemos bem:

"a obra dos teus tambores e dos teus pífaros estava em ti; no dia em que foste criado foram preparados".

"a obra" significa: a composição.

"dos teus tambores e dos teus pífaros" significa: dos teus instrumentos de percussão e dos teus instrumentos melódicos".

Quem estudou instrumentação sabe que em última análise, todos os instrumentos musicais são classificados melódicos se emitirem sons de freqüência definida; caso contrário, são apenas instrumentos de percussão.

Lúcifer era um grande compositor celestial! Nos dias de hoje, é ele quem inspira os maiores sucessos.

Está claro que na realidade há duas fontes de inspiração musical: A celestial ou a infernal; a de Deus ou a do Diabo.

Não há músico que não sofra influência musical. A questão é: Por quem estamos sendo influenciados na música da Igreja de Deus"

Abraão Lincoln  é pianista atuante. Atua como pianista correpetidor em diversos coros. Leciona e em diversas escolas e categorias musicais. É Bacharel em Música Sacra com especialização em piano pela FAC. Teológica Batista e FAC FITO.

 Leia também:

A decadência do louvor e a expansão do mercado gospel - Introdução A decadência do louvor e a expansão do mercado gospel Audição: Amostragem Causas Internas Sugestões para eliminar as causas internas  

veja também