DJ Alpiste: ''Quero que as pessoas parem e se examinem''

DJ Alpiste: ''Quero que as pessoas parem e se examinem''

Atualizado: Quarta-feira, 18 Fevereiro de 2009 as 12

Produzido no ano de 2008, o mais novo álbum de DJ Alpiste, "Arrebatador" traz participações variadas, incrementando disco e deixando-o mais abrangente em nível de público. Em relação ao título do álbum, o rapper se coloca de maneira clara e direta. ''O nome é justamente para chamar a atenção das pessoas para o arrebatamento, o assunto de todo o CD gira em torno disso. Quero que as pessoas parem e se examinem", assegura.

Segundo o próprio DJ Alpiste, este CD tem um significado forte em sua vida, pois foi produzido por ele mesmo e com cautela, para que todas as músicas saíssem exatamente do jeito que ele esperava. "É uma nova etapa na minha vida. Eu demorei mais de um ano para fazer todas as músicas e fiz da forma que eu queria! O novo CD é o oitavo trabalho da carreira. Eu mesmo produzi as músicas e escrevi todas as letras. Gostei muito do produto final! Me surpreendeu bastante e espero que a galera goste, pois foi feito com muito carinho e dedicação para a Glória de Deus'', comemora.

No ano de 2009, ele continua fazendo uma maratona de shows divulgando o trabalho “Arrebatador”. Além disso, o seu site está de cara nova e traz a proposta de aumentar a interatividade do rapper com o público.

Histórico

Dj Alpiste despontou no final dos anos 80, como vigoroso e talentoso DJ da Black Music brasileira. Foi um dos pioneiros do movimento Hip-Hop no Brasil. Em 1987, entrou para a equipe Zimbabwe, conhecida por realizar grandes bailes Black nas periferias de São Paulo, passando pela Black Mad e pela Band FM.

Naqueles dias, conheceu JR.Blaw e juntos formaram o ''Stillo Selvagem'', conhecido grupo de Rap paulistano que deu origem ao movimento. Acompanhou ainda o surgimento de outros nomes em São Paulo, como Thaide e DJ Hum, e teve a oportunidade de trabalhar junto com o Sampa Crew e Geração Rap. Logo ficou patente que ainda bem jovem chegava para ficar e grafitar seu nome no hall da fama da Black Music.

Criado ouvindo muita música negra desde os seis anos de idade, cresceu colecionando discos e logo começou a tocar em festas na casa de amigos, nos fins de semana. Suas maiores influências foram: o Funk dos anos 70 e 80 como Zapp, Earth Wind and Fire, Stevie Wonder, Michael Jackson, Marvin Gaye, Kool and the Gang, Confunkshun e Gap Band. Foi nesse universo musical que se tornou DJ e, logo depois, um dos mais conhecidos MCs da atualidade.

Mas um encontro mudaria para sempre a badalada vida do DJ. Em 1992 reencontrou um amigo de infância que falou sobre fé, plano de salvação e vida eterna, falou do encontro pessoal com JESUS e o convidou para uma reunião de música gospel que se realizava na Igreja Renascer em Cristo no bairro do Cambuci, em São Paulo. Dentro daquele templo, o conhecido DJ Alpiste foi alcançado através da música e pela palavra de poder de um servo de Deus, aceitando Jesus.

Em seguida, conheceu a Banda Kadoshi, que lhe deu a primeira oportunidade de mostrar um rap evangélico quando ainda não existia o estilo dentro das igrejas.

Foi o início de um ministério de sucesso. Vieram dois discos e viagens pelo Brasil inteiro cantando e dando o seu testemunho. Passado esse período, já conhecido pelo grande público gospel, veio o convite para gravar o primeiro CD solo intitulado "Transformação", em 1996, onde teve destaque a música ''Depois do casamento'' que até hoje é muito pedida nas rádios e nos shows que realiza.

veja também