Edição 2012 teve premiações da categoria gospel reconfigurada

Chris Tomlin e Kirk Franklin são os indicados ao Grammy

Atualizado: Quinta-feira, 19 Janeiro de 2012 as 12:16

A Academia da Gravação dos Estados Unidos anunciou no dia 30 de novembro, em Los Angeles, a lista de indicados ao Grammy, que em 12 de fevereiro de 2012 estará celebrando sua 54ª edição. 

O rapper Kanye West lidera a lista geral de indicações, com sete nomeações ao prêmio. 

Nas categorias da música cristã, os cantores Chris Tomlin e Brandon Heath receberam três indicações, enquanto que o cantor Kirk Franklin concorre com duas. 

Para esta edição, os organizadores reduziram de 109 para 78 o número de categorias premiáveis. O gênero gospel sofreu uma baixa de duas categorias das sete existentes, com a retirada das premiações para álbuns específicos, como melhor álbum de rock gospel e melhor álbum de pop gospel, e a redefinição conceitual das cinco categorias que permaneceram, tornando o prêmio mais generalista. 

Os mais afetados com as mudanças foram os artistas latinos, que viram as categorias melhor álbum pop, melhor álbum de rock e música urbana se tornarem uma só. 

Também foram unificados os prêmios de melhor álbum de música regional mexicana com o de melhor álbum texano e o de melhor álbum de música de banda com melhor álbum de música nortista. 

A cerimônia de entrega do Grammy será no dia 12 de fevereiro, no pavilhão Staples Center de Los Angeles, com transmissão da rede de televisão americana CBS. Confira abaixo todos os indicados no gênero gospel. 

Veja neste link a lista completa dos concorrentes em todas as categorias. 

Melhor Performance de Música Cristã Contemporânea/Gospel 
“Do Everything” (do álbum “re:Creation”) – Steven Curtis Chapman – Sparrow Records 
“Alive (Mary Magdalene)” (do álbum “Music Inspired By The Story”) – Natalie Grant – WOW/EMI CMG 
“Your Love” (do álbum “Leaving Eden”) – Brandon Heath – Reunion Records 
“Jesus” (do álbum “The Awakening Of Le’Andria Johnson”) – Le Andria Johnson – Music World Gospel 
“I Lift My Hands” (do álbum “And If Our God Is For Us...”) – Chris Tomlin – Sparrow Records 

Melhor Composição Gospel 
“Hello Fear” (do álbum “Hello Fear”) – Kirk Franklin – Verity Gospel Music Group 
“Sitting With Me” (do álbum “Something Big”) - Erica Campbell, Tina Campbell, Gerald Haddon & Tammi Haddon – Columbia Records 
“Spiritual” (do álbum “YRM – Your Righteous Mind”) – Donald Lawrence – Verity Gospel Music Group 
“Trust Me” (do álbum “Promises”) – Richard Smallwood – Verity Gospel Music Group 
“Window” (do álbum “Dominionaire”) – Canton Jones – Cajo Records 

Melhor Composição de Música Cristã Contemporânea 
“Blessings” (do álbum “Blessings”) – Laura Story – Fair Trade Services 
“Hold Me” - Jamie Grace Harper, Toby McKeehan & Christopher Stevens – Gotee Records 
“I Lift My Hands” (do álbum “And If Our God Is For Us...”) - Louie Giglio, Matt Maher & Chris Tomlin – Sparrow Records 
“Strong Enough” (do álbum “The Story Of Your Life”) – Matthew West – Sparrow Records 
“Your Love” (do álbum “Leaving Eden”) – Brandon Heath & Jason Ingram – Reunion Records 

Melhor Álbum Gospel 
“The Love Album” – Kim Burrell – Shanachie Entertainment 
“The Journey” – Andraé Crouch – Riverphlo Entertainment 
“Hello Fear” – Kirk Franklin – Verity Gospel Music Group 
“Something Big” – Mary Mary – Columbia Records 
“Angel & Chanelle Deluxe Edition” – Trin-I-Tee 5:7 – Music World Gospel 

Melhor Álbum de Música Cristã Contemporânea 
“Ghosts Upon The Earth” – Gungor – Brash Music 
“Leaving Eden” – Brandon Heath – Reunion Records 
“The Great Awakening” – Leeland – Essential Records 
“What If We Were Real” – Mandisa – Sparrow Records 
“Black & White” - Royal Tailor – Essential Records 
“And If Our God Is For Us...” – Chris Tomlin – Sparrow Records 

veja também