Em Teresina, evangélicos defendem Regularização Fundiária

Em Teresina, evangélicos defendem Regularização Fundiária

Atualizado: Quinta-feira, 24 Novembro de 2011 as 10:16

No próximo dia 30 de novembro a Prefeitura Municipal de Araruama, em parceria com o COPEMA (Conselho de Pastores Evangélicos do Município de Araruama),  vai comemorar o Dia do Evangélico. Para festejar será realizado show com o cantor Kleber Lucas e banda, às 19h30, na Praça da Bíblia, no Centro da cidade.

Durante todo dia serão oferecidos, gratuitamente, na Praça da Bíblia e nas sub-prefeituras dos distritos, aferição de pressão, teste de glicose, corte de cabelo, massoterapia, consultoria com advogados, posto do PROCON e o pré-cadastramento do Projeto Minha Casa Minha Vida. Também serão sorteados brindes para o público que prestigiar o show.

O Dia do Evangélico foi criado pelo projeto de Lei n°1.543, de autoria da vereadora Rosana Gardeazabal, com o objetivo de reconhecer a importância da Comunidade Evangélica e o trabalho social que realizam no muniA Secretaria Municipal de Regularização Fundiária tem recebido importantes manifestações de apoio por parte da população e da sociedade civil organizada que defendem sua implantação. Um exemplo desse incentivo partiu dos fiéis da Igreja Evangélica Assembleia de Deus de Madureira, que está situada no bairro Mafrense, zona Norte, região de Teresina onde há um grande número de residências cujos moradores que nelas residem, há décadas, não possuem o título legal de propriedade de direito real de uso do terreno.

"Estamos ao lado do prefeito Elmano Férrer e defendemos a implantação, o mais rápido possível, da Secretária de Regularização Fundiária. A região Norte, por exemplo, é formada por diversos assentamentos e muitos dos nossos fieis que habitam essas comunidades não têm o documento que atesta o direito de uso do terreno onde ergueram morada. Acreditamos que com a Secretaria esse processo de legalização da posse ocorrerá de forma rápida e ágil", justifica o pastor João Batista, um dos membros da comissão que é formada por 12 pastores.

Recentemente, o prefeito Elmano Férrer entregou para 40 famílias que moravam em imóveis com situação irregular os títulos de propriedade de direito real de uso, com o objetivo de oficializar a posse desses imóveis que eram ocupados irregularmente. De acordo com o prefeito, em 2011, foram entregues mais de 200 títulos de posse de terra em todas as zonas da cidade.

Elmano Férrer afirmou que a intenção é aumentar ainda mais o número de moradias regularizadas: "Temos trabalhado com muito afinco no sentido de proporcionar essa alegria a essas e outras famílias. É nossa prioridade promover a regularização fundiária na nossa cidade", comentou o prefeito, acrescentando que para esse trabalho seja realizado de forma mais rápida é necessário a implantação da Secretaria de Regularização Fundiária.     Com informações de 180graus

veja também