"Eu não dei ouvido para os homens", diz Regis Danese em homenagem no Programa Raul Gil

"Eu não dei ouvido para os homens", diz Regis Danese em homenagem no Programa Raul Gil

Atualizado: Segunda-feira, 3 Agosto de 2009 as 12

"Eu não dei ouvido para os homens, eu dei ouvido para a voz de Deus. Porque Aquele que prometeu é fiel para cumprir as suas promessas. Eu nunca imaginava isso que está acontecendo na minha vida", disse Regis Danese no quadro "Homenagem ao Artista", exibido no último sábado, 1º, no programa Raul Gil.

O cantor foi homenageado por amigos, pastores e família. "A minha nora falava que ele seria igual a esses cantores famosos e eu não acreditava. Hoje eu estou vendo o poder de Deus na vida dele", disse a mãe que acompanhou a difícil trajetória do compositor quando saiu do grupo de pagode Só Pra Contrariar.

Regis ainda recebeu do diretor André Luiz Dias, da gravadora Line Records, os Discos de Diamante Duplo e Triplo pela vendagem superior a 1 milhão de cópias do CD "Compromisso".

O programa Raul Gil tem tido repercussão entre os evangélicos desde que foi prestada homenagem à cantora Aline Barros, no início do ano passado. Desde então, passaram nomes como Fernanda Brum, Ana Paula Valadão e Lázaro.

"Muita gente falou pra mim, a Band virou uma emissora religiosa? Você está fazendo tantas homenagens para os evangélicos. Mas eu fiz para o Pe. Fábio de Melo, para o Marcelo Rossi. (...) Mas graças a Deus eu fico muito feliz quando eu saio na rua e a pessoa diz que se emocionou, evangélico ou não. Religião, você pode ter a que quiser. Mas você tem que saber do respeito ao ser humano e da fé em Deus, o nosso Senhor Jesus Cristo. Não faça coisa errada porque você vai ganhar coisa errada. (...) Deus está olhando", disse o apresentador Raul Gil.   Deus prova e depois aprova:

Faz um Milagre em Mim:

Discos de Diamente Duplo e Triplo:

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também