FLG fala sobre o futuro DVD e pede que todos orem pelo projeto

FLG fala sobre o futuro DVD e pede que todos orem pelo projeto

Atualizado: Quinta-feira, 3 Fevereiro de 2011 as 3:42

Com 15 de estrada, o FLG, conhecido quarteto da black music gospel formado por Silveira, Will, Sandro e Carlinhos começa 2011 cheio de novidades.

A parceria com a AW Produções, empresa que agenciou a banda, foi desfeita após anos de caminhada e três trabalhos lançados &Mais que Vencededor&; &O Céu é o Limite& e &Deus Espera Mais&.

Em um bate-papo exclusivo com o GUIA-ME , os quatro componentes do FLG explicam melhor o fim da parceria com a AW Produções e revelam os projetos que estão em andamento, inclusive o primeiro DVD ao vivo. Confira:

GUIA-ME : O FLG deu fim a uma longa parceria com a AW produções. O que realmente aconteceu e o que muda daqui pra frente?

Silveira: A gente trabalhou um tempo muito grande com a AW que é uma produtra que o Will, inclusive, é um dos donos e sócio com a esposa, e depois de um tempo a AW remanejou o direcionamento dela, em relação a cuidar de bandas, e a gente decidiu que o ideal seria a AW cuidar de eventos... O fator primordial para a gente se separar, nesse caso, foi o tempo mesmo. Trabalhamos muito tempo e criamos coisas legais e importantes juntos, mas agora é um novo ciclo tanto para a AW quanto para o FLG. Chegamos numa boa a essa conclusão e maturidade ajuda muito no processo para conduzirmos isso, querendo ou não é um casamento, foram 15 anos juntos. O que muda a gente ainda está esperando, é uma caixinha de surpresas, a gente não sabe como vai ser. Já estamos com novo escritório, nos reorganizando para trabalhar em 2011 com uma nova base.

Mas o que muda é basicamente isso, um novo escritório que vai cuidar da nossa carreira agora, mas como banda não muda muita coisa, vamos continuar fazendo o que a gente fazia. Vai mudar para quem faz a logística e a parte burocrática da coisa, que o ideal é que nenhum música tenha contato com isso. Eu tenho alergia a essa parte burocrática de assinar papel, fazer agenda, por isso tem que ter um escritório que organiza isso para a banda e eu acho que é só para eles que muda.

GUIA-ME: Soubemos que o próximo projeto do FLG é a gravação de um DVD. Esse será o primeiro DVD da banda?

Sandro: Na verdade, só do FLG é o primeiro. Nós participamos de dois DVDs &O melhor do Black&, e BGL &Black Gospel Live&. Acho que é o momento, pois estamos no terceiro CD e a ideia é gravar o DVD ao vivo do FLG que vai ser uma coletânea desses três CDs. Não é só um sonho nosso, o público pede muito isso, a gente cansa de receber recados perguntando quando vem o DVD, e acho que a tendência é mesmo o visual e o cara que está lá na Amazônia e nunca viu o FLG ao vivo vai poder curtir com o DVD. Acho que um pontapé novo para a banda. Pedimos a todos que orem por nós para que esse projeto dê certo.

GUIA-ME: Vocês já começaram a pensar em quais músicas vão entrar no repertório do DVD ou, de repente, até pensaram em pedir a opinião do público?

Sandro: Sim, vamos começar a fazer isso. Na verdade é meio que natural, se você pegar o CD Mais Que Vencedor vai ter aquelas músicas que ficaram na cabeça do público quando foram lançadas e bem provavelmente a gente comece uma campanha no site, no twitter &escolha as músicas do DVD& e tudo mais.

Silveira: Na comunidade do orkut a gente tem as enquetes do tipo &dos três CDs, de que música você mais gostou?& É claro que agora, quando formos definir o DVD mesmo, as 20 música que a gente pretende gravar, a gente vai ter que compilar tudo porque música não falta, mas acho que a enquete com a galera que curte nosso trabalho vai cair bem.

GUIA-ME: Tem previsão de quando o DVD fica pronto. Sai até o primeiro semestre?

Sandro: Segundo semestre. O primeiro semestre vai ser mais pra prepará-lo mesmo e no segundo ele sai.

GUIA-ME: O CD e DVD acústico é outro projeto que faz parte dos planos do FLG?

Sandro: Depois do DVD ao vivo é algo que pode vir também. Acho que fica entre um CD novo ou um DVD acústico.

Silveira: A gente tem que sentir

Sandro: O fato é: O DVD ao vivo vem, o próximo é ou um CD com repertório novo ou o DVD acústico.

Will: É que todas essas coisas dependem de recursos financeiros

Silveira: É assim, a gente vai sentar depois e ver o que é viável. As pessoas acham que a gente não fez um DVD até hoje porque a gente não quis, mas é que a gente não conseguiu viabilizar para fazer no nível e na qualidade que a gente quer. A gente se preocupa em fazer alguma coisa que dure, que não esteja só nada moda, mas que seja atemporal, por isso não deixamos nenhum registro ainda no mercado em mídia DVD. O próximo passo depois disso pode ser um acústico que a gente quer muito, temos feito muitas apresentações explorando esse formato, mas antes disso pode ser que apareça um CD de estúdio aí no meio do caminho.

Por Juliana Simioni

veja também