Marcha para Jesus reúne milhares em BH; protestos paralelos ocorrem

Marcha para Jesus reúne milhares em BH; protestos paralelos ocorrem

Atualizado: Terça-feira, 11 Outubro de 2011 as 2:52

Cerca de 20 mil pessoas participaram neste sábado (8) da Marcha para Jesus, realizada na Praça da Estação, no centro de Belo Horizonte.

Segundo a Band, a marcha saiu da Câmara Municipal de Belo Horizonte, às 9h, e terminou à tarde. Após a caminhada, o palco da Praça da Estação recebeu cerca de 15 apresentações. Ao todo os participantes marcharam 7,5 quilômetros pela área central de Belo Horizonte.

Atrações musicais agitaram a passeata. Entre as bandas participantes estavam Oficina G3, Pregador Luo, Fernandinho, Irmão Lázaro e Renascer Praise.

O evento, que já acontece em mais de 170 países e foi organizado por igrejas evangélicas, obrigou a BHTrans a alterar o trânsito no entorno do evento até as 23 horas.

A marcha foi entremeada por protestos paralelos que conclamavam a volta do ‘Evangelho Puro e Simples’.

Protesto

Com os dizeres “Voltemos ao evangelho puro e simples. O $how tem que parar”, os cartazes tremulavam em meio aos participantes da marcha para Jesus em Belo Horizonte, que aconteceu neste Sábado (8).

Outra faixa dizia: “O Brasil não precisa de apóstolos ou patriarcas, com suas fórmulas mágicas e suaTeologia  da Prosperidade, que envergonha o evangelho de Cristo e são contrárias à realidade dos que sofrem. Chega de vergonha, o amor e a graça de Deus nos basta”.

Num protesto anterior Paulo Siqueira que deu início ao protesto paralelo disse ao The Christian Post que os protestos são em contra as questões polêmicas de fraude que envolvem a Igreja Renascer e pela pregação da teologia da prosperidade.

Mariel Marra, do blog Ponto Crítico, organizou um flashmob que ocorreu junto com a marcha.

Os participantes foram incentivados a utilizar narizes de palhaço em protesto à situação de “palhaçada que alguns andam fazendo com a Palavra de Deus”, de acordo com o organizador.

O protesto de cunho religioso foi divulgado pelo Twitter com a tag #FLASHMOBNAMARCHABH.

De acordo com Wagner Lemos e Alan, participantes da manifestação, o objetivo era fazer um protesto pacífico com uma motivação ‘simples e singela’.

“Nos encontramos na praça, sorrisos, cumprimentos e uma vontade de fazer algo a respeito daquilo que tanto incomodava”, disseram eles no relato sobre a marcha no blog webevangelista.

veja também