Marina de Oliveira na torcida pelo Grammy Latino

Marina de Oliveira na torcida pelo Grammy Latino

Atualizado: Segunda-feira, 25 Outubro de 2010 as 10:43

No último dia 6 de fevereiro, a cantora gospel Marina de Oliveira perdeu o irmão e o marido após um acidente com ultraleve. A data, que ficou marcada pela tragédia, também motivou a cantora a gravar o CD "Na Extremidade", dedicado às vítimas. Agora, graças ao álbum, Marina tem a chance de registrar na lembrança um momento bem diferente daquele que viveu: no próximo dia 11, ela poderá ganhar um Grammy Latino, o primeiro em 25 anos de carreira, na categoria melhor álbum de música cristã.

— É um ótimo reconhecimento do meu trabalho. Só fico triste ao pensar nas pessoas que não estão aqui para dividir essa alegria. Gravar este CD foi o momento mais emocionante da carreira — diz.

A cantora, que está hospedada na casa dos pais, na Barra da Tijuca, em breve se mudará com a filha de 9 anos para um apartamento no mesmo bairro. Lá, pretende começar um novo ciclo:

— Estava aguardando o apartamento ficar pronto para morar com o meu marido. Apesar das lembranças, não penso em sair da Barra. Me acostumei com as ruas, com os shoppings e até com o trânsito na Linha Amarela.  

veja também