O Festival Promessas teve algo de bom...

O Festival Promessas teve algo de bom...

Atualizado: Quarta-feira, 18 Dezembro de 2013 as 10:17

André e Ana Paula ValadãoO Festival Promessas teve algo de bom. Ele conseguiu sepultar, com uma só pá, esta percepção que não distingue as diferenças entre a lógica de louvor comunitário e a lógica de espetáculo. Revelou para o mundo que popularidade artística e qualidade musical (isso sem mencionar o trato com a doutrina cristã), não caminham necessariamente juntas, no mundo chamado gospel. Apresentou uma discrepância (enferma) entre a declaração verbal e a preocupação performática.
 
Devo confessar de que sou parte deste povo, daquele que estava no palco e daquele que esteve no auditório. Vejo em mim as incoerências expressas ali. Sou parte do que foi expresso ali. Agora entendo melhor porque o Senhor continua buscando adoradores pois, a começar em mim, é algo mesmo difícil de encontrar. Misericórdia Senhor!
 
O melhor de tudo é que a Escritura nos diz, " O SENHOR é misericordioso e compassivo, paciente e transbordante de amor. O SENHOR é bom para todos; a sua compaixão alcança todas as suas criaturas." Salmo 145: 8 -9
 
O Senhor vai nos curar de tudo isto que nos levou a situação na qual, ao invés de prometer acabou por nos comprometer. Como disse, sou parte deste povo!
 
 
Ziel Machado - da Igreja Metodista Livre
via Facebook / Genizah
 

veja também