Promessa Eterna lançará CD na AD de Cariacica

Promessa Eterna lançará CD na AD de Cariacica

Atualizado: Sexta-feira, 8 Julho de 2011 as 3:45

A banda Promessa Eterna realizará o pré-lançamento do CD "Não vi o sol nascer" no evento "Rock de garagem", na igreja Assembleia de Deus Ministério Vida Abundante, em Porto de Santana, Cariacica. O evento, que acontecerá no dia 16 de julho, às 18 horas, contará também com a participação do Ministério de Louvor Vida Abundante, Felipe Nascimento, Banda Padom, Banda NS3 e Eliah Oliver.

Conheça o grupo

A banda é formada pelo guitarrista Adeildo Schwanz, pelo baixista Jhonny Wesley, pelo vocalista Eduardo Ribeiro, pelo tecladista Felipe Amaral e pelo baterista Kleiton Pastor. O guitarrista falou a respeito da escolha do nome da banda. "Quando o nome Promessa Eterna veio em minha mente foi como uma revelação de Deus para nós", declarou. "Sempre algo lutou para que o nosso projeto acontecesse, depois de um tempo voltamos a ouvir a voz de Deus e esse nome entrou no nosso coração, realmente como uma promessa", acrescentou o vocalista.

O grupo iniciou o projeto em 1997, mas havia muitas limitações e dificuldades para um grupo que ainda não havia lançado nenhum trabalho na área da adoração. Mas em novembro de 2009, a banda iniciou o processo de produção e gravação do álbum de estreia "Não vi o sol nascer", com produção de Eliah Oliver e gravado no estúdio Vintage. O álbum foi finalizado em maio de 2010, com doze faixas.

As mensagens das canções são baseadas no contexto do mundo moderno e têm como principal fonte de inspiração a Bíblia. "Nossa mensagem é 'Jesus esta voltando'. O álbum traz o conceito central do cristianismo e a razão pela qual vivemos. Jesus morreu para que tivéssemos vida e um dia estaríamos com ele. Até chegarmos a este nível passaríamos por provações, mas no fim venceremos", acredita Adeildo Schwanz.

"Não vi o sol nascer"

"Cada faixa do disco é um capítulo de uma história contada em versos que o próprio Deus nos inspirou a buscar, acreditar que um dia estaremos com Ele no paraíso para sempre. "Agradecemos a Deus por seu amor incondicional, pelas canções, pela inspiração e por ter nos dado condições de finalizar este trabalho que acreditamos antes de qualquer coisa ter nascido em seu coração", pontuou.

O título do disco tem a ver com as passagens das profecias de Elias e Isaías, por isso, o ponto de partida é quando o povo começa a ser levado para o cativeiro babilônico e Jeremias olha aquilo tudo e a partir de então nasce a ideia de não ver o sol nascer. "Porque você acorda de manhã e não tem mais liberdade, o meu povo está sendo levado ao cativeiro. Então o título tem a ver com essa perda de liberdade de um povo que está sendo levado ao cativeiro", explicou. Porém, a esperança é o arrebatamento da igreja, anseio que todo o cristão tem, de ser levado para o céu de glória.

veja também