Rafael Porto lança seu primeiro trabalho

Capixaba lança CD “Como Sempre Sonhei”

Atualizado: Segunda-feira, 3 Setembro de 2012 as 8:12

Rafael Porto é capixaba por natureza, cristão por fé, casado por amor, jornalista por convicção e cantor e compositor por teimosia. Busca na música o conforto da alma e o alimento para o espírito. Apaixonado por folk, rock e música brasileira, tenta misturar tudo isso à mensagem central da Bíblia: o amor de Deus revelado na Cruz de Cristo. 

Membro de uma família de músicos, aprendeu cedo a valorizar a riqueza cultural que o Brasil possui. Descobriu-se no piano aos 10 anos e desde então vem rascunhando composições em diversos gêneros, entretanto, foi no estilo voz e violão que encontrou o caminho para falar da misericórdia e da Graça divina. 

Composta no primeiro semestre de 2008, “Como Sempre Sonhei” é o reflexo de um período de busca espiritual intensa. Cantar a mensagem do Mestre, o exemplo de Jesus, o sacrifício de Cristo e o amor de Deus revelado na Cruz, acima de qualquer recurso poético, tornaram-se seus objetivos. 

Segundo o Supergopsel, neste trabalho, buscou o meio termo entre a simplicidade, a obviedade e a criatividade. Com arranjos de piano e violão, gravados em um home studio, combina a letra confessional de um pecador (“e mesmo errando a todo instante / Teu perdão nunca demora / só mesmo um amor tão grande / pra tanta misericórdia”) à leveza de uma roda de violões entre amigos. 

O primeiro lançamento do compositor estará disponível para download nesta segunda-feira (03), no sitehttp://musica.rafaelporto.com. O trabalho contou com a participação de Théo Porto (primo) no violão e Izaque Dorico de Lima, dono do computador e dos microfones com os quais tudo foi registrado, na mixagem e masterização. Todo o conceito visual que acompanha o lançamento foi produzido pelo designer Renato Vieira. 

Rafael Porto é também membro fundador da banda de rock alternativo Alforria e atualmente integra o Ministério de Louvor e Adoração Doulos, de Vila Velha, no Espírito Santo. 

veja também