Thalles Roberto: uma história escrita pelo dedo de Deus

Thalles Roberto: uma história escrita pelo dedo de Deus

Atualizado: Quinta-feira, 29 Setembro de 2011 as 2:55

Desde que se reencontrou com Jesus e com a música cristã, Thalles tem revelado seu potencial e surpreendido pela boa musicalidade

Thalles Roberto nasceu em Passos, cidade do interior de Minas Gerais. Ele é filho de pastor, nascido e criado em um lar cristão, e cercado pela musicalidade. No final da adolescência, querendo aprimorar seus conhecimentos musicais, aceitou um convite para fazer parte da banda mineira Jota Quest, banda pop secular, permanecendo no grupo durante cinco anos. Mas não conseguiu conciliar o fortalecimento de seu dom e a sua fé em Cristo ao mesmo tempo:  “Não consegui me manter fiel a Deus e caí numa vida de bebidas, drogas e loucuras! Um dia, num quarto de um hotel, senti falta de Deus. Era o início da volta do filho ‘para a SALA DO PAI’”,  relata o músico de voz e personalidade marcantes.

Após retornar, como ele mesmo diz, “para a sala do Pai”, Thalles começou a usar sua habilidade de cantar para o Reino. De lá para cá tem se empenhado para viver o que ministra:  “A vida de quem se dedica a cantar para o Senhor e sobre Ele, sobre Seu amor e sobre tudo o que Ele pode fazer por uma pessoa é uma vida de renúncias, de leitura da Bíblia – a Palavra de Deus –, de consagração, de muita intimidade com Ele e de santidade!”

Assim, Thalles deu início à produção do disco que marca esse recomeço da sua caminhada cristã e seu reencontro com Jesus,  “Na Sala do Pai”.  O trabalho teve também uma versão em vídeo. Tanto o CD como o DVD foram produzidos por Alex Passos (Diretor Executivo da Rede Super de Televisão, apresentador do Programa Balaio e Diretor da Balaio Filmes) que com o apoio do amigo André Valadão apresentaram o trabalho à direção da Gravadora Graça Music.  “Daí começaram as conversas para execução desse projeto e desde 2009 faço parte dessa família.”

Em sua carreira pela gravadora já ganhou discos de  Ouro  e de  Platina , por mais de 50 e 100 mil cópias vendidas, respectivamente, do CD “ Na Sala do Pai ”. Com a versão em DVD, já ganhou “ DVD de Ouro ”, por mais de 25mil cópias vendidas. Com o CD  “Raízes”,  uma coletânea com os clássicos da música gospel, ele foi premiado com “ Disco de Ouro” , pelas mais de 40 mil cópias vendidas. Recentemente, Thalles gravou seu primeiro CD e DVD ao vivo, intitulado “ Uma história escrita pelo dedo de Deus ”, em Belo Horizonte (MG), marcando uma nova fase de sua vida com Deus. O CD será lançado este mês, na Expo Crist㠖 a maior feira de produtos e artigos cristãos da América Latina que este ano será realizada no ANHEMBI, São Paulo (SP), de 20 a 25 de setembro de 2011. E a expectativa é de que o DVD seja lançado em outubro ou novembro deste ano.

Ele está concorrendo em cinco categorias do Troféu Promessas 2011, sendo elas: “ Revelação ”, “ Melhor Música ”, “ Melhor DVD  ( Na Sala do Pai )”, “ Melhor Clipe  ( Deus da Minha Vida )”, “ Melhor Cantor ”. É um dos candidatos com mais indicações, revelando não apenas sua versatilidade musical como também os muitos frutos colhidos em 2010 e 2011. A respeito de sua participação na premiação, ele salienta:  “Creio que é uma oportunidade dada por Deus, pois sempre peço a Ele que não me deixe estar em um lugar onde Ele não esteja comigo! Fico realmente feliz em participar, em ter meu trabalho reconhecido e em ver que a nossa música está alcançando todos os públicos, tanto dentro quanto fora do segmento gospel. Acredito que quanto mais eventos tivermos para falar de Deus e de tudo que envolve a Sua obra, como a música e os louvores, mais pessoas poderão ouvir do Seu amor.”

Especialmente, sobre o fato de estar concorrendo como “Revelação” da música gospel, ele afirma:  “Essa categoria é muito expressiva, pois mostra que, de certa forma, temos algo novo a mostrar às pessoas, seja na maneira de cantar, de interpretar ou na apresentação de um produto (CD/DVD). Sou novo, minha carreira é novíssima e estou muito feliz em concorrer a esse prêmio. Mais feliz ainda em poder mostrar ao Brasil quem é e qual é a história do Thalles!”

Para o cantor, o maior ganho para os músicos cristãos é a visibilidade, ele acredita que a premiação fará com que mais pessoas conheçam e acompanhem o trabalho e o ministério que desenvolvem para expansão da Palavra de Deus. Com essa perspectiva ele ainda fala sobre a importância de ter a Rede Globo como apoiadora do Troféu Promessas:  “Estamos crescendo muito, entrando em todos os lugares e não há como conter a nossa música! A Rede Globo, visionária como é, entendeu que pode falar também com o nosso público, despertando a simpatia dos evangélicos!”

Quanto à abertura que a música evangélica tem conquistado ao longo dos anos na mídia secular, Thalles explica:  “A mídia secular ‘descobriu’ o gospel por vários motivos, entre eles, o fato de nós evangélicos sermos, hoje, mais de 36 milhões de brasileiros. Como qualquer outro cidadão, votamos, compramos nossos bens, pagamos impostos e estamos até na política. Era impossível não nos ver e encontrar em nós um ‘nicho’ a ser conquistado. Creio que nada acontece sem a permissão de Deus, logo vejo tudo o que está acontecendo como uma porta aberta por Deus para que o Evangelho se espalhe ainda mais pelo nosso país. Aleluia!”

Um dos claros objetivos do Troféu Promessas é honrar a vida daqueles que se dedicam a exaltar fielmente o Senhor por meio da música, fazendo com dedicação e expressando o melhor para Deus.  “Quando somos avaliados, nos tornamos melhores ou procuramos melhorar ainda mais, em todos os sentidos. Acredito que essa premiação fará com que os músicos busquem o aperfeiçoamento e a excelência”,  diz Thalles em apoio à iniciativa.

O músico ainda acredita que a técnica musical deve andar junto ao crescimento espiritual na vida daqueles que aceitaram o chamado de Deus para o ministério da música:  “O Senhor não merece nada que não seja, no mínimo, excelente. Estudar é importante, aprimorar o dom também, logo, uma boa parte técnica é uma aliada em nosso objetivo maior, que é o de atrair as pessoas para Cristo. Por meio de nossa música, podemos conscientizar as pessoas sobre a vida que têm levado longe de Deus, e levá-las a um encontro genuíno com Cristo. E, desse encontro, todos saírem radicalmente transformados.”  Para ele, suas maiores alegrias, são a família, a reconciliação com Jesus e poder ser testemunha da salvação de vidas:  “Fico feliz demais quando faço o apelo (momento do culto em que o preletor pergunta se alguém deseja aceitar a Cristo)  e vejo as pessoas aceitando a Jesus como Senhor e Salvador de suas vidas. Algumas reconciliando com Ele, voltando para a Casa do Pai, como um dia eu voltei. Isso não tem preço!”  Para isso, além de sacrificar um precioso tempo com a sua família, ele precisa renunciar diariamente, como mesmo diz:  “Ao ‘eu’, ao orgulho e a tudo aquilo que pode me afastar de Deus.”

Mas não é tão fácil dizer “sim” ao chamado   de Deus e manter-se firme nesse caminho. Thalles vê e encara como uma grande responsabilidade, principalmente no que diz respeito à juventude, poder ser um referencial na vida das pessoas. Em seus eventos, sempre procura alertar sobre o perigo de ter uma vida longe do caminho de Deus, como ele experimentou durante um período da sua história. De quem viveu um tempo perdido pelos prazeres efêmeros do mundo como o uso das drogas, para o homem em Cristo de hoje, Thalles afirma:  “Ser um referencial é levar sobre os ombros o peso da renúncia dos nossos próprios desejos e o de buscar a santidade dia após dia! Vale muito a pena ver as pessoas sendo transformadas por Deus por meio do nosso testemunho.”  E ainda explica que sódeve entrar para o ministério de louvor quem tem, realmente, esse chamado ministerial e deixa a dica:  “É muito importante que a pessoa ore bastante, pedindo a confirmação de Deus. Se isso for o que Deus tem para a vida dela, as portas se abrirão diante dos seus olhos. Agora, se o intuito da pessoa for ficar famosa, ganhar dinheiro, viajar, que arrume outra profissão, pois seu caminho estará fadado ao fracasso ou à sua própria perdição.”

Para terminar, Thalles expressa sua gratidão com aqueles que têm honrado seu ministério: “Obrigado pelo carinho. Vocês estão em meu coração. Não deixem de votar! Votem, votem, votem!”

Quartel Design – Assessoria Por Thalita Daher | Capitã de Comunicação

veja também