"É uma honra cantar em eventos de rap gospel", diz Cabal

"É uma honra cantar em eventos de rap gospel", diz Cabal

Atualizado: Terça-feira, 21 Dezembro de 2010 as 4:59

Na última edição do Natal Black, dia 11 de dezembro, o DJ Alpiste lançou seu novo álbum 'Invencível' e o rapper Cabal, conhecido no cenário nacional, esteve presente e participou com Alpiste na música em que gravou com ele no novo CD.

Em entrevista ao GUIA-ME , Cabal contou mais sobre a amizade e a parceria com DJ Alpiste.

"É uma amizade relativamente recente de, no máximo, um ano, mas eu acredito que a amizade não deve ter sua intensidade medida pelo tempo que ela existe. O Alpiste me procurou e eu sempre vi nele um cara que eu respeitava pela história e pela liderança dele dentro do rap e eu achei 'louco' que ele me procurou não só como um colega de profissão, mas como um irmão, sabe? Tipo 'se você estiver precisando de alguma coisa me liga', ele sempre me liga para conversar, para me chamar para ir à igreja e isso é raro, geralmente os amigos ligam para ir para a balada. Acho muito legal, eu vejo nele essa figura de um irmão mais velho mesmo", relata Cabal.

A música que os dois cantores gravaram juntos tem o título 'Não Pega Nada' e o rapper detalha a mensagem que ela busca passar.

"As pessoas, às vezes, querem regrar muito as coisas. Rapper gospel só pode cantar para o público gospel, música do mundo não pode misturar, e a gente fala 'meu, não pega nada' até porque eu acredito que a ideia do rap gospel é atrair pessoas para a igreja, para perto de Jesus, perto de Deus, então não faria sentido cantar só para quem está na igreja, é importante que a mensagem chegue para quem está fora da igreja. A partir do momento que um rapper gospel se junta com um rapper secular você acaba atingindo dois públicos e juntando isso".

Sobre o rap gospel ser ou não mais importante que o rap secular, Cabal disse pensar quem é indiferente: "Quando eu escuto uma música eu não escuto pensando 'esse rap é gospel, esse rap é secular', para mim é indiferente. Eu escuto Racionais e escuto DJ Alpiste, escuto MV Bill e escuto Pregador Luo", contou.

O rapper que já acompanhou DJ Alpiste em alguns eventos evangélicos, relata que as experiências são sempre positivas. "É muito bom cantar em um lugar onde as pessoas estão todas com uma energia boa. Cantei com o Alpiste na Marcha Para Jesus e foi mágico olhar e não enxergar o fim da multidão. Para mim é muito especial e sempre uma honra cantar em eventos de rap gospel, em igrejas, e estar perto de Deus".

Por Juliana Simioni

veja também