MENU

Açúcar refinado sobe 1% em Londres

Açúcar refinado sobe 1% em Londres

Atualizado: Sexta-feira, 26 Novembro de 2010 as 2:46

As incertezas que rondam a produção no Brasil e na Índia sustentaram os preços do açúcar refinado na Bolsa de Londres ontem. O contrato março fechou com alta de 1,07%, em US$ 717,30 por tonelada. O mercado registrou poucos negócios por causa do feriado do Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos, que afastou investidores e outros participantes da bolsa. Já as cotações do cacau e do café foram na direção contrária.

Os contratos futuros da amêndoa deram sequência à queda das últimas sessões por causa do avanço da colheita na Costa do Marfim, maior produtor mundial. Mas a cautela permanece antes do segundo turno das eleições presidenciais no país, marcadas para o domingo. Em anos anteriores, o pleito provocou distúrbios que prejudicaram os embarques de cacau. Os investidores estão atentos porque desde o início da safra 2010/11 até a semana passada, as entregas da amêndoa nos portos da Costa do Marfim diminuíram 12% ante o mesmo período do ciclo anterior.

O contrato março caiu 0,81% e fechou em 1.847 libras esterlinas por tonelada. No mercado de café os negócios também foram prejudicados pelo feriado nos EUA. Sem a Bolsa de Nova York como referência, muitos participantes preferiram ficar de fora e voltar apenas hoje com a reabertura do mercado de arábica. Em Londres, o contrato março caiu 0,22% para fechar em US$ 1.847 por tonelada.    

veja também