MENU

Arrefecimento varejo é reflexo de medidas macroprudenciais, diz Tombini

Arrefecimento varejo é reflexo de medidas macroprudenciais, diz Tombini

Atualizado: Quinta-feira, 12 Maio de 2011 as 11:44

RIO - O presidente do Banco Central (BC) Alexandre Tombini classificou o arrefecimento do ímpeto nas vendas do comércio varejista apontado hoje pelo IBGE como o começo de um reflexo das medidas macroprudenciais feitas pelo governo para conter a demanda no mercado doméstico. Desde o final do ano passado, o governo tem lançado mão de estratégias para conter o avanço da demanda no mercado doméstico, como forma de conter o avanço inflacionário junto ao consumidor.

"É um resultado de políticas que foram adotadas desde a virada do ano e estão começando a ter seu impacto no arrefecimento e na moderação da demanda. Isso vai ajudar ao longo do ano a trazer a inflação de volta ao centro da meta em 2012", afirmou Tombini. Ele participa hoje do II seminário de metas de inflação promovido pelo BC, no Rio.

Combustível

Tombini foi questionado hoje sobre uma possível estratégia do governo de formular medidas que possam manter os preços dos combustíveis em baixa, como forma de combater o avanço da inflação no varejo. Sem dar detalhes sobre a atuação do governo neste sentido, Tombini comentou ser favorável a toda a ajuda que se puder ser realizada no combate à inflação.

"Qualquer contribuição de inflação sendo reduzida a nível setorial ajuda o processo", afirmou. Quando foi questionado se já ocorre no governo uma movimentação para reduzir o preço da gasolina, e assim ajudar a manter em baixa a inflação percebida pelo consumidor, Tombini afirmou apenas que os recuos de preços nos combustíveis são relevantes no combate à inflação.

"Estas quedas de preços são importantes, ajudam, não fazem totalmente o trabalho, mas são informações importantes que vamos levar em consideração e certamente vão repercutir na inflação ao consumidor", afirmou. Ele participa do 2º seminário sobre metas de inflação, que está sendo realizado hoje no Rio de Janeiro, promovido pelo BC.

veja também