MENU

Bolsas da Ásia fecham em baixa; PIB do Japão chama atenção

Bolsas da Ásia fecham em baixa; PIB do Japão chama atenção

Atualizado: Sexta-feira, 9 Setembro de 2011 as 9:51

Os investidores na Ásia levaram em conta nesta jornada uma série de indicadores regionais e o movimento das ações do setor industrial e imobiliário. Também entrou na pauta o discurso do presidente americano Barack Obama, que revelou ontem um programa de US$ 447 bilhões para estimular a economia e criar empregos.

Para muitos analistas, o que importa é que o cenário econômico internacional não é animador, apesar de alguns dados trazerem certo alívio. Na visão deles, a cautela deve guiar os negócios por mais tempo.

O Nikkei 225, de Tóquio, cedeu 0,63%, para 8.737,66 pontos. O Hang Seng, de Hong Kong, caiu 0,23%, para 19.866,63 pontos. O Kospi, de Seul, diminuiu 1,83%, para 1.812,93 pontos. Em Xangai, o Shanghai Composite declinou 0,05%, somando 2.497,75 pontos. Na contramão, o S&P/ASX 200 avançou 0,16%, para 4.194,70 pontos.

De indicadores, os agentes ficaram sabendo que a economia japonesa se retraiu mais do que o previsto entre abril e junho, evidenciando o impacto causado pelo terremoto e pelo tsunami registrados em março. Pelos dados revisados, o Produto Interno Bruto (PIB) do Japão recuou a uma taxa anualizada de 2,1% nos três meses terminados em junho. Inicialmente, o governo havia comunicado uma contração de 1,3%.

Receberam também um avanço menor do índice de preços ao consumidor chinês. Em agosto, na comparação com um ano antes, a inflação foi de 6,2%. Em julho, o indicador tinha registrado o nível mais alto em 37 meses, de 6,5%.

veja também