MENU

Bovespa opera instável nesta segunda

Bovespa opera instável nesta segunda

Atualizado: Segunda-feira, 8 Março de 2010 as 12

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) opera de forma instável nesta segunda-feira (8), repercutindo dados do mercado internacional e também resultados de grandes empresas locais, como a JBS Friboi. O mercado abriu em alta, mas depois passou a operar no terreno negativo.

Às 13h42, o índice Ibovespa, referência para o mercado brasileiro, tinha baixa de 0,48%, aos 68.518 pontos. No pregão anterior, na sexta-feira (5), o índice ganhou 1,52% e acumulou valorização de 3,5% na semana.

Por aqui, os balanços trimestrais dominam a pauta junto com a divulgação de índices de inflação e o Produto Interno Bruto (PIB) do quarto trimestre.

O frigorífico JBS registrou lucro líquido de R$ 127,9 milhões no quarto trimestre de 2009, revertendo o prejuízo de R$ 53,2 milhões de igual trimestre de 2008. No acumulado do ano, o resultado líquido foi positivo em R$ 129,4, milhões, bem acima do lucro de R$ 25,9 milhões de 2008.

Ainda no campo corporativo, a Hypermarcas, que realiza nova oferta de ações, anunciou mais uma compra. Dias após comprar a fabricante de fraldas Sapeka, a empresa de bens de consumo comprou a empresa de produtos de higiene York, por R$ 100 milhões, e a Facilit, dona da Sanifill, por R$ 79 milhões.

Já a Triunfo Participações colocou à venda um de seus principais ativos, a usina hidrelétrica de Salto, em Goiás, para ganhar fôlego financeiro para novos investimentos na própria área de energia.

Outros mercados

No mercado europeu, os índices operavam perto da estabilidade. Há pouco, o FTSE-100, de Londres, tinha leve alta de 0,05%, enquanto o Xetra-DAX, de Frankfurt se valorizava 0,19%.

As bolsas na Ásia reagiram nesta segunda-feira aos ganhos observados nos EUA na sexta-feira passada. Tóquio e Seul ganharam 2,09% e 1,56%, respectivamente. Já em Xangai, a alta somou 0,73%, enquanto em Hong Kong a valorização ficou em 1,97%.

veja também