MENU

Bovespa valoriza após ínicio instável; dólar atinge R$ 1,58

Bovespa valoriza após ínicio instável; dólar atinge R$ 1,58

Atualizado: Quarta-feira, 22 Junho de 2011 as 2:42

As ações brasileiras valorizam na rodada de negócios desta quarta-feira. O pregão é marcado pela expectativa em torno da reunião do banco central americano (o Federal Reserve), quando deve ser anunciado o fim do programa QE2 (programa de estímulos à economia).

Ontem à noite, o novo gabinete grego conseguiu um voto de confiança do parlamento local, em um resultado bastante antecipado pelos mercados no expediente de terça. Essa moção de apoio é vista como o primeiro passo para que o governo do país mediterrâneo consiga aprovar um pacote de duras medidas para buscar o equilíbrio das contas públicas.

O resultado apertado da votação e o fato dos protestos populares ainda continuarem já levantaram incertezas entre os analistas.

O índice Ibovespa, principal termômetro dos negócios da Bolsa paulista, sobe 0,67%, aos 61.846 pontos. O giro financeiro é de R$ 1,77 bilhão. Nos EUA, o índice Dow Jones, da Bolsa de Nova York, tem leve alta de 0,07%.

O dólar comercial é cotado por R$ 1,587, em queda de 0,12%. A taxa de risco-país marca 164 pontos, número 0,60% abaixo da pontuação anterior.

O IBGE apontou uma taxa de desemprego de 6,4% em maio, a mesma taxa verificada em abril. Trata-se do menor índice de desemprego verificado para um mês de maio desde 2002 (início da nova série histórica).

O mercado aguarda para as próximas horas o resultado da reunião do Fomc (equivalente a um comitê de política monetária do Fed). Embora não se esperem surpresas quanto à decisão (manter a taxa de juros em torno de 0,25% ao ano), investidores e analistas devem ficar atentos à entrevista do presidente Ben Bernanke, logo após o término do evento.

veja também