MENU

Cai estimativa para entrada de investimento estrangeiro direto no país este ano

Cai estimativa para entrada de investimento estrangeiro direto no país este ano

Atualizado: Terça-feira, 8 Julho de 2008 as 12

A projeção de analistas do mercado financeiro para a entrada de investimento estrangeiro direto (caracterizado pelo interesse duradouro do investidor na atividade produtiva) no país caiu de US$ 34 bilhões para US$ 33,50 bilhões neste ano. Para 2009, a estimativa se manteve em US$ 30 bilhões.

A informação consta do boletim Focus, publicação semanal do Banco Central, elaborada com base em pesquisa feita com analistas de mercado sobre os principais indicadores da economia.

Os analistas de mercado também alteraram a estimativa para o déficit em conta corrente (saldo negativo das transações do Brasil com o exterior), de US$ 23 bilhões para US$ 23,57 bilhões, e para o superávit comercial (saldo das exportações menos importações), de US$ 23 bilhões para US$ 22,81 bilhões. A expectativa para a taxa de câmbio ao final de 2008 caiu de R$ 1,67 para R$ 1,65.

Para 2009, a projeção é déficit em conta corrente é ainda maior: US$ 32,5 bilhões, contra os US$ 31,9 bilhões previstos anteriormente. No caso do superávit comercial, a estimativa passou de US$ 15,21 bilhões para US$ 15 bilhões. A expectativa para a taxa de câmbio no próximo ano também caiu de R$ 1,77 para R$ 1,75.

Quanto ao crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), em 2008, a projeção foi mantida em 4,80%. No caso da produção industrial, os analistas aumentaram a estimativa de crescimento em 0,01 ponto percentual, passando para 5,47%. Quanto à relação entre dívida e PIB, foi mantida a projeção para este ano de 41%.

Para a taxa básica de juros, a Selic, os analistas mantiveram a projeção em 14,25%, ao final deste ano, e em 13,50%, ao fim de 2009.

*Imagem ilustrativa.

Postado por: Claudia Moraes  

veja também