MENU

CCJ chama Meirelles e presidente da CEF para falar sobre Panamericano

CCJ chama Meirelles e presidente da CEF para falar sobre Panamericano

Atualizado: Quarta-feira, 10 Novembro de 2010 as 11:38

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira (10) um convite para que o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, e a presidente da Caixa Econômica Federal, Maria Fernanda Ramos Coelho, prestem esclarecimentos sobre a situação do banco Panamericano, que nessa terça-feira (9) obteve um aporte de R$ 2,5 bilhões do Fundo Garantidor de Crédito. Como o requerimento é de convite, os dois não são obrigados a comparecer. A data ainda não foi definida, mas a comissão esperaa que seja na próxima semana.

O requerimento é de autoria de Antonio Carlos Júnior (DEM-BA). Segundo ele, a intenção é saber se a Caixa já sabia dos problemas do banco quando injetou recursos no banco no final do ano passado, que pertence ao empresário Sílvio Santos. O convite ao Banco Central tem o objetivo de saber se uma suposta fraude que poderia ter gerado o rombo no Panamericano teria acontecido recentemente ou antes da compra de 49% das ações feitas pela Caixa.

O senador Álvaro Dias (PSDB-PR) fez questionamentos à operação da Caixa. "É preciso ouvir a presidente da Caixa Econômica sobre as razoes que levaram a instituição a fazer este aporte e tornar-se sócia das dificuldades. O Brasil não pode socorrer banqueiros e deixar milhares de pessoas em plano secundário no país".

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) chegou a questionar o porque de se aprovar o convite na CCJ e não na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). O presidente da CCJ, Demóstenes Torres (DEM-GO), argumentou que a comissão trata de legalidade e, portanto, tem sim a ver com a operação. Por fim, o requerimento foi aprovado por unanimidade.

Por: Eduardo Bresciani

veja também