MENU

Companhia registrou ganhos de R$ 1,932 bilhão

Lucro líquido da Ambev cresce 5,4% no 2º trimestre

Atualizado: Terça-feira, 31 Julho de 2012 as 8:25

A Ambev teve lucro líquido de R$ 1,932 bilhão no segundo trimestre, alta de 5,4% sobre o mesmo período do ano anterior, informou a empresa nesta terça-feira (31), acrescentando que pode rever investimentos no Brasil em 2012 após aumento de impostos sobre o setor.

No acumulado de semestre, o lucro líquido somou R$ 4,28 bilhões, avanço de 9,1% na comparação anual.

A receita líquida da Ambev cresceu 17,4% no segundo trimestre, para R$ 6,8 bilhões. Na primeira metade do ano, esse dado totalizou de R$ 14 bilhões, alta de 13,6%.

A venda total em volume avançou teve alta anual de 3,3% no segundo trimestre, enquanto o custo de produtos vendidos por hectolitro passou de R$ 55,8 no segundo trimestre de 2011 para R$ 61,5  no trimestre passado, um aumento de 10,2%.
Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) saltou 14,3%, para R$ 2,95 bilhões, no segundo trimestre sobre um ano antes. A margem no período, porém, recuou, de 44,4% para 43,2%.
"Com relação às nossas perspectivas para o Brasil, continuamos acreditando que o crescimento de volume no ano deverá ser maior do que no ano passado, e continuaremos buscando um maior equilíbrio entre preço e volumes do que o observado em 2011", afirmou a empresa no balanço.

A companhia informou ainda que "devido ao aumento nos impostos federais no Brasil a partir de outubro de 2012, a magnitude dos nossos investimentos no país em 2012, que estavam inicialmente planejados para ser de até R$ 2,5 bilhões, poderá ser revista".

Em maio, o governo reajustou os valores de cerveja, refrigerante, água e isotônicos sobre os quais incide a cobrança dos tributos federais PIS, Pasep, Cofins e IPI. Essa nova tabela entra em vigor a partir de 1º de outubro.

veja também