MENU

Criação de empregos no setor privado dos EUA cai em maio

Criação de empregos no setor privado dos EUA cai em maio

Atualizado: Quarta-feira, 1 Junho de 2011 as 11:30

O setor privado criou 38 mil empregos em maio, muito abaixo dos 170 mil esperados pelos analistas, segundo uma estimativa da consultoria ADP publicada nesta quarta-feira (1º).

Na avaliação da ADP, o número, apesar de decepcionante, "não é completamente surpreendente dada a fragilidade da recuperação econômica após a a recessão".

Em abril, a economia americana como um todo gerou mais empregos que o previsto: foram criadas 244 mil vagas – melhor resultado em 11 meses. A expectativa era por 186 mil postos. O setor privado foi responsável por todo o aumento do emprego, gerando 268 mil vagas - maior número desde 2006.

Os EUA recuperaram apenas uma fração dos mais de oito milhões de empregos perdidos entre 2007 e 2009, durante a recessão. Uma abertura de 250 mil a 300 mil postos de trabalho por mês é necessária para fazer um progresso significativo na redução do desemprego.

Os dados de emprego de maio - taxa de desemprego e número de vagas criadas - devem ser divulgados nesta sexta-feira (3).        

veja também