MENU

Déficit do INSS cai 18,3% até novembro, para R$ 41,2 bilhões

Déficit do INSS cai 18,3% até novembro, para R$ 41,2 bilhões

Atualizado: Quarta-feira, 21 Dezembro de 2011 as 3:32

O déficit do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), sistema público de previdência que atende aos trabalhadores do setor privado no país, somou R$ 41,21 bilhões de janeiro a novembro deste ano, informou nesta quarta-feira (21) o Ministério da Previdência Social .

Com isso, registrou queda de 18,3% frente ao mesmo período do ano passado, quando totalizou R$ 50,47 bilhões. Os números foram corrigidos pelo INPC.

Benefícios previdenciários e arrecadação líquida

O pagamento de benefícios previdenciários somou R$ 256,6 bilhões nos 11 primeiros meses deste ano, o que representa um aumento de 3,5% frente ao ano mesmo período do ano passado (R$ 247,8 bilhões).

Ao mesmo tempo, a arrecadação líquida do INSS somou R$ 215,4 bilhões de janeiro a novembro deste ano, o que representa uma elevação de 9,1% frente ao mesmo período do ano passado - quando totalizou R$ 197,3 bilhões.

Resultado de novembro

Somente em novembro deste ano, ainda segundo números divulgados pelo governo federal, o déficit do INSS totalizou R$ 4,21 bilhões, com queda de 10,2% frente ao mesmo período do ano passado, quando foi apurado um resultado negativo de R$ 4,69 bilhões.

Em novembro, a arrecadação líquida somou R$ 20,55 bilhões, com crescimento de 8,1% frente ao mesmo período de 2010 (R$ 19 bilhões), enquanto o pagamento de benefícios totalizou R$ 24,77 bilhões, com alta de 4,4% sobre julho de 2010 (R$ 23,72 bilhões).

Estoque de benefícios e valor médio

Dados do Ministério da Previdência Social mostram que o estoque de benefícios emitidos em novembro deste ano superou a barreira dos 29 milhões. Este número engloba os benefícios previdenciários, os assistenciais e os acidentários. Isso representa um crescimento de 3,4% sobre o estoque de benefícios emitidos em novembro de 2010 (28 milhões).

Segundo o governo, o valor médio dos benefícios pagos pela Previdência Social entre janeiro e novembro deste ano somou R$ 851,84. A maior parte dos benefícios (68,2%) pagos em novembro deste ano, incluídos os assistenciais, tinha o valor de até um salário mínimo, um contingente de 19,8 milhões de benefícios.

Previsão para 2011

O secretário de Políticas de Previdência Social, Leonardo Rolim, informou nesta quarta-feira que a estimativa do governo para o déficit do INSS neste ano é de R$ 36 bilhões, o que representará, se confirmado, o segundo ano seguido de recuo. Em R$ 36 bilhões, o déficit, segundo ele, também deve ser o menor desde 2003.

A previsão para dezembro é de um superávit de cerca de R$ 5 bilhões nas contas do INSS. "Dezembro sempre tem superávit. Entra a arrecadação inteira do décimo tercerio. É como se fossem duas arrecadações no mês. E já foi paga a primeira parcela para todo mundo e a segunda parcela para quem ganha até um salário mínimo", informou Rolim a jornalistas.      

veja também