MENU

Dilma nomeia dois novos diretores para Casa da Moeda

Dilma nomeia dois novos diretores para Casa da Moeda

Atualizado: Segunda-feira, 14 Maio de 2012 as 9:15

A presidente da República, Dilma Rousseff, exonerou nesta segunda-feira (14), por meio de publicação no "Diário Oficial da União", Sérgio de Farias e Cláudio Eliseu da Costa Lagoeiro dos cargos de diretores da Casa da Moeda. Para seus lugares, foram nomeados Lara Caracciolo Amorelli e Fábio Bollmann.


A reestruturação na Casa da Moeda começou após o aparecimento de denúncias de que o ex-presidente da instituição, Luiz Felipe Denucci, seria suspeito de receber propina de fornecedores do órgão por meio de duas empresas no exterior. Denucci já foi exonerado e, para seu lugar, foi nomeado, em fevereiro deste ano, Francisco de Assis Leme Franco - que era diretor da secretaria-executiva do Ministério do Planejamento.


Chegou a ser instaurada uma sindicância para apurara as denúncias na Casa da Moeda, quetambém estão sendo investigadas pelo Ministério Público.


O ministro da Fazenda, Guido Mantega, ao qual a Casa da Moeda é subordinada, disse em fevereiro a jornalistas que a indicação do ex-presidente da Casa da Moeda, Luis Felipe Denucci, foi do PTB. Em março, o ministro declarou que Denucci foi nomeado porque tinha "qualificação técnica" e acrescentou que ele há havia trabalhado no governo Fernando Henrique Cardoso.


"Não admito nenhum funcionário nos órgãos do Ministério da Fazenda que não tenha a qualificação técnica para cumprir essa função. A qualificação técnica é imprescindível. Quem era o cidadão Luis Denucci? Tinha trabalhado no governo FHC em lugar de responsabilidade, na CVM, na Susep, no BC e no BB. Tinha trabalhado em postos importantes de responsabilidade e tinha um bom currículo. Foi por esta razão que o nomeei", afirmou Mantega na ocasião.

veja também