MENU

Economia avança menos em áreas mais ricas do país, revela IBGE

Economia avança menos em áreas mais ricas do país, revela IBGE

Atualizado: Terça-feira, 2 Dezembro de 2008 as 12

Economia avança menos em áreas mais ricas do país, revela IBGE

A economia da Região Sul perdeu um pouco de espaço para a da Região Norte, de 2002 a 2006. Embora oito (SP, RJ, MG, RS, PR, BA, SC, DF) das 27 unidades federativas sejam responsáveis por cerca de 80% das riquezas do país, houve redução de 0,6 ponto percentual da contribuição da Região Sul e avanço de 0,4 ponto percentual da Região Norte.

No período avaliado, a Região Norte aumentou sua participação no Produto Interno Bruto (PIB, a soma de bens e serviços produzidos no país em um ano) em 0,1 ponto percentual por ano. Por outro lado, São Paulo e Rio Grande do Sul foram as unidades que mais reduziram a participação, com queda de 0,7 ponto percentual de 0,5 pp, respectivamente.

O PIB regional, divulgado hoje, dia 14 de novembro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBCG) revelou uma pequena desconcentração da participação dos estados brasileiros na composição da economia entre 2002 e 2006.

veja também