MENU

Enchentes no Sul reduzem em 12,7% previsão de safra agrícola

Enchentes no Sul reduzem em 12,7% previsão de safra agrícola

Atualizado: Sexta-feira, 6 Fevereiro de 2009 as 12

As fortes chuvas no Sul do país no final de 2008 e no início deste ano, principalmente em Santa Catarina, trouxeram conseqüências aos resultados da agricultura. Maior celeiro agrícola do Brasil, respondendo por 39,7% da colheita de grãos, a região deve ter queda de 12,7% na produção, em relação a 2008, segundo o primeiro prognóstico de safra do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgado na última quinta-feira, dia 5 de fevereiro.

No Centro-Oeste, que concentra 35,3% da produção nacional de grãos, a queda é estimada em 6,3%; no Sudeste, que contribuiu com 12,3% da produção, em 3,5%; e no Norte, cuja participação é de 2,1%, em 1,8%. Somente no Nordeste, que produz 9,6% de toda a safra do país, deve haver aumento na produção, calculado em 4,7%.

De acordo com o coordenador da pesquisa do IBGE, Mauro Andreazzi, apesar das condições climáticas serem fundamentais para o bom desempenho das culturas, os investimentos do produtor no campo também contribuem para uma boa colheita.

"Constatamos que houve uma diminuição acentuada nos investimentos feitos pelos produtores geralmente em setembro para a safra seguinte. Eles compraram menos insumos (adubos e fertilizantes), cujos preços são atrelados ao dólar e que estavam com a cotação alta no período", explicou Andreazzi.

O técnico do IBGE alertou, porém, que esta é a primeira previsão da safra para o ano de 2009 e que pode haver alterações. O levantamento mostra uma queda de 7,6% em relação à colheita do ano passado, que foi de 145,8 milhões de toneladas. A produção de cereais, leguminosas e oleaginosas deverá ser de 134,7 milhões de toneladas. Já a área plantada deve chegar a 47,6 milhões de hectares, 0,8% maior que a de 2008.

veja também