MENU

Ernst & Young deve ser processada por fraude

Ernst & Young deve ser processada por fraude

Atualizado: Terça-feira, 21 Dezembro de 2010 as 9

Promotores de Nova York deverão mover uma ação contra a auditoria Ernst & Young, nos Estados Unidos. De acordo com o jornal Wall Street Journal, a acusação é de que a auditoria teria permitido que o banco Lehman Brothers ocultasse suas falhas nos demonstrativos financeiros. Esta seria a primeira vez que uma das quatro grandes auditorias mundiais (as outras são KPMG, PricewaterhouseCoopers e Deloitte) teria seu nome envolvido entre os agentes da crise financeira. A acusação ressalta, segundo o jornal, que os riscos financeiros divulgados pelo banco em seus balanços pareciam ser bem mais brandos do que realmente eram.

O banco Lehman Brothers era um dos principais clientes da auditoria - que ganhou cerca de 100 milhões de dólares pela prestação de seus serviços entre 2001 e 2008 (ano em que o banco quebrou). O processo deverá ser protocolado ainda nesta semana, na Justiça americana.  

veja também