MENU

EUA: 3M e Motorola têm lucro maior no 3ºtri; 3M reduz projeção p/ano

EUA: 3M e Motorola têm lucro maior no 3ºtri; 3M reduz projeção p/ano

Atualizado: Quinta-feira, 28 Outubro de 2010 as 1:25

A companhia de produtos de consumo e industriais 3M e a fabricante de produtos eletrônicos Motorola anunciaram aumento no lucro no terceiro trimestre deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado, e superaram as estimativas dos analistas. Às 10h15 (de Brasília), as ações da 3M caíam 1,78% e as da Motorola subiam 4,57% no pré-mercado. O lucro da 3M cresceu 16%, para US$ 1,11 bilhão (US$ 1,53 por ação), de US$ 957 milhões (US$ 1,35 por ação), enquanto a receita cresceu 11%, para US$ 6,87 bilhões. Analistas ouvidos pela Thomson Reuters esperavam lucro de US$ 1,51 por ação e receita de US$ 6,83 bilhões. A forte demanda nos mercados emergentes e a procura por novos produtos da companhia colaboraram para os ganhos. Por regiões, a &O5533;?sia-Pacífico liderou em vendas, com aumento de 28%. Os mercados emergentes registraram crescimento de 25% nas vendas e agora são responsáveis por 34% do total mundial da empresa.

No entanto, a 3M reduziu em US$ 0,06 por ação sua previsão para ganhos em todo este ano, em razão de perdas relacionadas à compra da Attenti Holdings e da Arizant e da aquisição de uma participação controladora na Cogent. Agora a companhia prevê lucro em 2010 dentro da faixa de US$ 5,70 a US$ 5,74 por ação. A Motorola informou que seu lucro subiu para US$ 109 milhões (US$ 0,05 por ação), de US$ 12 milhões (US$ 0,01 por ação), enquanto a receita aumentou 12,8%, para US$ 4,89 bilhões. Incluindo os resultados dos negócios de redes de telecomunicação, que serão vendidos no fim deste ano, a companhia teve lucro de US$ 380 milhões (US$ 0,16 por ação) no terceiro trimestre, em comparação com US$ 131 milhões (US$ 0,06 por ação) um ano antes. Analistas esperavam lucro de US$ 0,11 por ação. Na mesma base de comparação, a receita subiu 6%, para US$ 5,8 bilhões, acima das estimativas de US$ 5,66 bilhões. Os ganhos da Motorola foram ajudados pela antecipação do anúncio de novos smartphones que usam o software Android, do Google. Até agora neste ano a empresa anunciou 22 smartphones, excedendo a meta do ano de 20 aparelhos.    

veja também