MENU

Famílias da classe C devem impulsionar consumo de desktops em 2010

Famílias da classe C devem impulsionar consumo de desktops em 2010

Atualizado: Segunda-feira, 7 Dezembro de 2009 as 12

Embora os notebooks e netbooks devam ultrapassar 50% da vendas de todos os computadores no próximo ano, os desktops continuarão obtendo grande destaque no varejo, de acordo com as expectativas da Intel.

Devido à baixa penetração de computadores entre a população de menor renda, a classe C deve ser a grande responsável pelas vendas do equipamento no próximo ano. 

''Apenas 25% das famílias da classe C possuem computadores. Se levarmos em consideração que essa fatia do mercado concentra 23 milhões de lares, acreditamos que exista um enorme potencial de crescimento'', declarou Cássio Tietê, diretor de marketing da Intel do Brasil.

Todos usam

Outro motivo para a popularidade dos desktops nas famílias desta classe é que o produto é mais conhecido pelas pessoas em comparação com os portáteis. ''Esse segmento dá preferência ao desktop também por poder ser compartilhado por todos'', afirmou o executivo.

A companhia declara que a crise financeira mundial, que reduziu o consumo de produtos de tecnologia, afetou apenas a demanda dos clientes corporativos (empresas). ''O consumidor final não desistiu dos planos de atualizar seu equipamento ou adquirir o primeiro computador'', disse. Para Tietê, as promoções praticadas pelos hipermercados foram os maiores atrativos para as vendas em 2009.

veja também