MENU

Faturamento do mercado de cartões de crédito atinge maior valor mensal do ano

Faturamento do mercado de cartões de crédito atinge maior valor mensal do ano

Atualizado: Quarta-feira, 8 Outubro de 2008 as 12

Faturamento do mercado de cartões de crédito atinge maior valor mensal do ano

O mercado brasileiro de cartões de crédito mantém a tendência de crescimento apresentada ao longo do ano e deverá atingir neste mês um faturamento de R$ 19,9 bilhões - o que representa uma alta de 21,8% com relação ao montante registrado em outubro de 2007. Com isso, o faturamento total do ano deverá atingir R$ 223,5 bilhões - 22% a mais em relação ao ano anterior.

De acordo com os dados da pesquisa "Indicadores do mercado de meios eletrônicos de pagamento", desenvolvida mensalmente pela Itaucard, a opção pelo cartão de crédito como forma de pagamento pelo brasileiro também tem se fortalecido ao longo de 2008. No final deste mês deverão ser verificadas 253 milhões de transações, volume 18,09% superior ao observado no mesmo mês de 2007. Entre janeiro e dezembro devem ser realizadas 2,843 bilhões de transações, o que representa um acréscimo de 18,8% ou 450 milhões de operações sobre o volume do ano passado. Esse incremento representa aproximadamente o total de transações do ano de 1998. Outro dado importante do levantamento que reforça a opção pelo cartão de crédito como meio de pagamento e financiamento é o valor médio das compras. Em outubro ele deverá atingir R$ 78,68, valor que deve subir nos dois últimos meses do ano, em razão do Natal.

Um reflexo desse crescimento na utilização do cartão de crédito é o aumento no número de plásticos em circulação, que no final de outubro deverá chegar a 106,7 milhões de unidades, 17,9% a mais que no mesmo período de 2007. Segundo o levantamento do Itaucard, o volume total de cartões circulando no País deverá fechar 2008 em 110 milhões de unidades, 18,43%, ou 17,1 milhões de unidades a mais do que o registrado no final do ano passado. Esse incremento também equivale ao total de cartões que circulavam em 1998.

"Este desempenho positivo da indústria de cartões de crédito mostra que o setor soube captar as necessidades de seus clientes, tornando-se cada vez mais presente no dia-a-dia. A melhoria na condição de vida dos brasileiros faz com que o cartão se torne cada vez mais um importante aliado em seu planejamento financeiro", avalia Fernando Chacon, diretor de Marketing do Itaú.

Acumulado do ano

De janeiro a outubro, o mercado brasileiro de cartões deverá contabilizar um faturamento da ordem de R$ 177,4 bilhões, com 2,298 bilhões de transações e 106,7 milhões de unidades em circulação. Como comparação, nos dez primeiros meses de 2007 o faturamento do setor era de R$ 145,1 bilhões, com 1,928 bilhão de transações e 90,5 milhões de plásticos.  

veja também