MENU

Governo divulga lista de produtos dos EUA que deverão ser retaliados

Governo divulga lista de produtos dos EUA que deverão ser retaliados

Atualizado: Segunda-feira, 8 Março de 2010 as 12

A Camex (Câmara de Comércio Exterior) divulgou nesta segunda-feira, dia 8, a lista definitiva de produtos norte-americanos cuja importação deverá ser sobretaxada em retaliação aos subsídios pagos pelo governo dos Estados Unidos à produção local de algodão.

De acordo com o despacho publicado no "Diário Oficial" da União de hoje, as alíquotas de importação definidas incidirão sobre esses produtos por um ano. A medida entra em vigor em 30 dias - nesse período, o governo dos EUA poderá negociar com o brasileiro para evitar a retaliação.

A lista tem cerca de 100 itens entre frutas - como pêras, cerejas e ameixas - sucos, produtos de higiene e maquiagem, plástico, algodão preparado, equipamentos industriais, aparelhos de som, veículos, óculos e escovas de dente. Sobre todos esses produtos incidirão alíquotas de importação que variam de 12% a 100% do valor.

Em agosto do ano passado, a OMC autorizou o Brasil a aplicar sanções aos EUA até o limite de US$ 830 milhões - sendo até US$ 560 milhões em bens e produtos e o restante sobre serviços e propriedade intelectual.

Em novembro, o governo colocou em consulta pública uma lista com 222 produtos que poderiam ser retaliados e, no início de fevereiro, a Camex aprovou uma lista preliminar de produtos que poderiam sofrer retaliação.

Por: Lorenna Rodrigues

veja também