MENU

Inadimplência deve subir no primeiro trimestre de 2011, diz Serasa

Inadimplência deve subir no primeiro trimestre de 2011, diz Serasa

Atualizado: Quinta-feira, 11 Novembro de 2010 as 2:06

Pagamentos relativos às compras de Natal, despesas com as viagens de férias, compromissos fiscais (IPVA e IPTU) e aquisição de material escolar devem levar a um aumento da inadimplência no final na virada do primeiro para o segundo trimestre de 2011, de acordo com análise dos economistas da Serasa Experian.

A entidade divulgou nesta quinta-feira (11) uma previsão para esse período do ano que vem. O Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência do Consumidor cresceu 0,6% em setembro de 2010. De acordo com a Serasa, como o indicador tem a propriedade de antever, num horizonte médio de seis meses, as oscilações cíclicas da inadimplência, a elevação registrada pelo indicador em setembro sinaliza que a inadimplência do consumidor pode demonstrar sinais de elevação na virada do primeiro para o segundo trimestre de 2011.

Apesar da elevação, o indicador permanece abaixo do padrão histórico brasileiro. "Assim, ainda não se vislumbram riscos de que esta inadimplência constitua algo que inviabilize a continuidade da expansão do crédito aos consumidores, pelo menos no curto prazo", diz a Serasa.

O Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplência das Empresas recuou 2,1% em setembro de 2010, sendo o 17 º recuo mensal consecutivo. Segundo a entidade, a retomada de um ritmo de crescimento mais acelerado da economia brasileira favorece a geração de caixa das empresas.

veja também