MENU

Indústria paulista tem queda na atividade pelo 5º mês consecutivo

Indústria paulista tem queda na atividade

Atualizado: Terça-feira, 28 Fevereiro de 2012 as 12:54

O Indicador de Nível de Atividade (INA), da indústria de transformação paulista, recuou 0,8% em janeiro deste ano na série com ajuste sazonal, na comparação com dezembro de 2011, informou nesta terça-feira (28) a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Este é o quinto mês consecutivo de queda.

O desempenho representa também queda de 5% da atividade industrial do Estado em relação a janeiro do ano passado. Sem os ajustes sazonais, a produção em janeiro foi 4,1% mais fraca do que no mês anterior.

Em janeiro, o nível de utilização da capacidade instalada (Nuci) ficou em 79% sem considerar o ajuste sazonal, o que representa queda frente aos 80,7% verificados em janeiro de 2011. Com ajuste sazonal a mesma comparação é ainda mais forte, passando de 83,7% para 81,7%.

Dos setores avaliados pela pesquisa, fabricação de máquinas, aparelhos e materiais elétricos registraram queda expressiva de 5,6% sobre dezembro, em termos ajustados, castigados principalmente pela forte entrada de produtos importados. O coeficiente de importação do setor atingiu o patamar de 38,4% no quarto trimestre de 2011. O setor de veículos tiveram baixa de 5,7% na série com ajuste sazonal.

Expectativa

A pesquisa Sensor, que mede a expectativa dos empresários para o mês corrente, mostra que a confiança dos industriais avançou em fevereiro, ficando em 48,8 pontos frente a 42,2 pontos em janeiro. Ainda assim, o resultado não é positivo porque nessa medição, que vai de zero a 100 pontos, números menores que 50 pontos indicam pessimismo do empresariado.

veja também