MENU

Inflação pelo IGP-10 fica em 0,63% em abril, mostra FGV

Inflação pelo IGP-10 fica em 0,63% em abril, mostra FGV

Atualizado: Quinta-feira, 15 Abril de 2010 as 12

A inflação calculada pelo Índice Geral de Preços - 10 (IGP-10) recuou de 1,10% em março para 0,63% em abril, influenciada pela alta menor nos preços ao produtor. Também na passagem de março para abril, a taxa do Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), um dos três componentes do IGP-10, recuou de 1,34% para 0,51%.

Entre os preços por atacado, as maiores influências de queda vieram da soja: o produto em grão ficou 6,02% mais barato, enquanto o preço do farelo caiu 14,07%, segundo dados da Fundação Getulio Vargas (FGV).

Para o consumidor, a inflação ficou maior em abril. O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) passou de 0,78% em março para 0,80% neste mês. Ficaram maiores as variações dos grupos alimentação (de 1,68% para 2,58%) e vestuário (de &S208;0,48% para 0,08%).

Na outra ponta, tiveram recuo as taxas dos grupos transportes (de 1,18% para &S208;0,56%), educação, leitura e recreação (de 0,40% para 0,20%), despesas diversas (de 0,17% para 0,06%) e habitação (de 0,30% para 0,21%). O grupo saúde e cuidados pessoais repetiu a taxa de variação do mês anterior, de 0,44%.

Terceiro componente do IGP-10, o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) registrou, em abril, taxa de variação de 1,01%, acima do resultado do mês anterior, de 0,33%.

veja também