MENU

Juros do cheque especial vão de 6,75% a 12,30% ao mês, diz Procon

Juros do cheque especial vão de 6,75% a 12,30% ao mês, diz Procon

Atualizado: Quinta-feira, 11 Fevereiro de 2010 as 12

As taxas de juros do cheque especial variaram entre 6,75% e 12,30% ao mês em fevereiro, mostra pesquisa divulgada nesta quinta-feira pelo Procon-SP. Apesar da diferença entre os valores cobrados pelos bancos, a taxa média se manteve inalterada em 8,79% pelo segundo mês. O mesmo ocorre com o empréstimo pessoal, com taxa média de 5,17% por quatro meses seguidos.

O levantamento, feito em 2 de fevereiro, envolveu dez instituições financeiras (Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú, Nossa Caixa, Real, Safra, Santander e Unibanco).

A maior taxa do cheque especial, de 12,30% ao mês, foi cobrada pelo Safra, e a menor pela Caixa, de 6,75% ao mês. Já no empréstimo pessoal, o maior custo foi encontrado no Itaú/Unibanco (5,86% ao mês) e o menor também na Caixa (4,39%).

Sobre a estabilidade dos juros nos últimos mês, o Procon-SP avalia que os bancos estão aguardando os novos rumos da política monetária e "preferem assumir uma posição de cautela em relação as suas taxas de juros". A taxa de juros básica da economia, a Selic, está em 8,75% ao ano desde julho de 2009, porém, há expectativa de elevação neste ano.

O órgão também dá conselhos para quem for contratar um empréstimo, como "analisar a real necessidade de crédito, utilizar o cheque especial somente em situações emergenciais e de curto prazo e pesquisar linhas de crédito mais baratas como, por exemplo, o crédito com desconto em folha (consignado).

O Procon-SP recomenda ainda que o consumidor evite empréstimos de longo prazo, que embutem custos maiores, e que não assine nenhum contrato sem antes estar ciente de todos os custos envolvidos na contratação.

Veja os juros ao mês do empréstimo pessoal e do cheque especial, nesta ordem

Banco do Brasil - 4,48% e 7,65%

Bradesco - 5,34% e 8,24%

Caixa - 4,39% e 6,75%

HSBC - 4,61% e 9,34%

Itaú - 5,86% e 8,59%

Nossa Caixa - 4,48% e 7,65%

Real - 5,63% e 9,38%

Safra - 5,40% e 12,30%

Santander - 5,63% e 9,38%

Unibanco - 5,86% e 8,59%

veja também