MENU

Limite de isenção do IR subirá para R$ 22.487,25 em 2011, diz Receita

Limite de isenção do IR subirá para R$ 22.487,25 em 2011, diz Receita

Atualizado: Quarta-feira, 10 Fevereiro de 2010 as 12

O limite de isenção do Imposto de Renda (IRPF) subirá para R$ 22.487,25 em 2011, de acordo com informação divulgada nesta quarta-feira (10) pelo coordenador do IR da Receita Federal, Joaquim Adir.

Deste modo, só será obrigado a declarar IR, no próximo ano, quem recebeu mais do que este valor em 2010 (ano-base para a declaração do ano que vem). No IR de 2010, está obrigado a declarar IR quem recebeu mais do que R$ 17.215,08 em 2009. O prazo para declaração tem início em 1º de março.

Segundo explicou Adir, isso não impede, porém, o contribuinte que receber menos do que este valor apresentar a declaração do IR em 2011. Ele esclareceu que, caso o contribuinte tenha direito à restituição, valerá a pena declarar IR, mesmo estando desobrigado.

"Fizemos um cálculo com base nos declarantes que passam do limite de isenção, mas como têm a dedução de 20% da declaração simplificada, eles não têm imposto a pagar ou restituir. Você tira do universo de declarantes as pessoas que não pagam imposto. Isso não altera cálculo de imposto, não altera nada. Altera apenas uma condição de obrigatoriedade", explicou Adir, da Receita Federal.

veja também