MENU

Na terceira queda seguida, desemprego vai a 7,4% em novembro

Na terceira queda seguida, desemprego vai a 7,4% em novembro

Atualizado: Sexta-feira, 18 Dezembro de 2009 as 12

A taxa de desemprego recuou para 7,4% em novembro, na terceira queda mensal consecutiva do indicador, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado do mês passado consolida a tendência de queda do desemprego que, este ano, teve sua última alta em agosto, quando a taxa ficou em 8,1%, 0,1 ponto percentual acima da registrada em julho.

Em outubro, a taxa de desemprego ficara em 7,5%. Em novembro do ano passado, era de 7,6%.

De acordo com os dados do IBGE, a taxa de desemprego do mês passado é a menor do ano. A taxa também é a menor para um mês de novembro desde 2002, quando teve início a série histórica do instituto.

O número de desempregados nas seis regiões metropolitanas pesquisadas (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Recife e Porto Alegre) foi calculado em 1,7 milhão, estável em relação ao mês anterior. Apenas no Rio de Janeiro houve queda de 20,8% na comparação com novembro de 2008.

Tanto na comparação com outubro quanto em relação a novembro do ano passado, o contingente de ocupados também ficou estável, em 21,6 milhões. Segundo o IBGE, houve variação significativa apenas em Salvador, onde a população ocupada cresceu 3,6% na comparação anual.

Rendimento

No mês passado, o rendimento médio mensal recebido pelos trabalhadores foi estimado em R$ 1.353,60, estável em relação a outubro (R$ 1.354,74). Frente a novembro de 2008, houve alta de 2,2%. O rendimento médio domiciliar per capita subiu nas duas comparações: 0,9% frente a outubro e 4,9% ante novembro de 2008.

Em outubro, a massa de rendimento real efetivo da população ocupada foi estimada em R$ 29,4 bilhões, uma alta de 0,5% em relação a setembro e de 3,2% na comparação com o mesmo mês do ano passado.

veja também