MENU

Novo dia de protestos na Síria; governo promete não atirar

Novo dia de protestos na Síria; governo promete não atirar

Atualizado: Sexta-feira, 13 Maio de 2011 as 1:24

SÃO PAULO - Milhares de manifestantes tomam as ruas da Síria nesta sexta-feira para mais um dia de protestos contra o regime do presidente Bashar Al Assad. Após as orações do meio-dia, tiveram início as manifestações na capital síria, Damasco, e em diversas cidades, como Hama, Homs, Idlib e Daria.

A presença de tanques do Exército e de soldados armados não intimidou os rebeldes, que há quase dois meses enfrentam as forças de segurança do governo. Segundo ativistas de direitos humanos, Al Assad se comprometeu a não atirar contra os manifestantes nesta sexta-feira.

Entretanto, relatos dão conta de que as forças de segurança e os manifestantes entraram em choque em diversas regiões do país. Bombas de gás lacrimogêneo teriam sido lançadas e disparos, ouvidos.

De acordo com cálculos da Organização das Nações Unidas (ONU), entre 700 e 850 pessoas teriam morrido em decorrência dos confrontos ocorridos desde o início das manifestações.

(Francine De Lorenzo | Valor, com agências internacionais)

veja também