MENU

Novo dono da Fokker vai abrir fábrica em Goiás

Novo dono da Fokker vai abrir fábrica em Goiás

Atualizado: Quarta-feira, 11 Maio de 2011 as 3:38

BRASÍLIA - O Brasil pode se tornar o lar da nova geração dos aviões Fokker. A empresa holandesa Rekkof Aircraft, que comprou todas as licenças e projetos da antiga Fokker, declarada falida em 1996, já assinou com o governo de Goiás os termos do contrato de instalação, na cidade de Anápolis, de uma fábrica de peças para aviões. A planta começa a ser construída em agosto e deve iniciar a produção até julho de 2014.

Num primeiro momento, os aviões serão produzidos na Holanda, com 35% das peças fabricadas no Brasil - entre elas fuselagem, asas e outros componentes. No início da operação, essas peças vão fazer parte dos primeiros 60 aviões a serem fabricados na Europa. Em 2019, no entanto, a Rekkof pretende que o primeiro avião decole da fábrica brasileira, já com 75% de nacionalização de seus componentes.

As informações são do consultor-geral da empresa e responsável pela implantação da Rekkof do Brasil, Paulo Almada. O secretário de Indústria e Comércio de Goiás, Alexandre Baldy, que participou da assinatura do protocolo de instalação da empresa, também falou da importância do projeto para o Estado e para o País e comemorou o investimento que a Rekkof Aircraft fará, da ordem de R$ 1,23 bilhão. Baldy disse que, de início, serão gerados 1,8 mil empregos diretos, que segundo ele se transformarão em pelo menos 5 mil indiretos.

Almada disse que o Brasil foi escolhido para receber o projeto ?pela segurança política, econômica e jurídica que o País oferece?. Antes de se decidir pelo Brasil, foram feitas negociações com outros países, como China, Turquia e Argentina. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

veja também