MENU

Petrobras dá prazo até agosto para PDVSA ser sócia de refinaria

Petrobras dá prazo até agosto para PDVSA ser sócia de refinaria

Atualizado: Quarta-feira, 4 Maio de 2011 as 5:35

A Petrobras deu prazo até agosto para que a estatal do petróleo da Venezuela, PDVSA, aporte os recursos necessários para se tornar sócia da refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco.

De acordo com o diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, uma carta-alerta foi enviada à estatal venezuelana para que sejam colocados recursos no projeto até agosto.

A PDVSA anunciou que seria sócia da estatal brasileira na refinaria, batizada de Abreu e Lima em homenagem ao general pernambucano que lutou ao lado de Simón Bolívar pela libertação da Venezuela. Mas, por enquanto, só a estatal brasileira investiu na unidade de processamento, que já tem 35% das obras concluídas.

Em novembro do ano passado, a PDVSA informou que tinha os US$ 400 milhões iniciais para se tornar sócia da estatal brasileira, mas nada foi pago até o momento.

"Mandamos um carta à PDVSA dizendo que os recursos de empréstimo tomados pela refinaria Abreu e Lima se esgotam em agosto. Portanto, é preciso ter aporte de recursos dos sócios a partir de agosto, caso tenhamos sócios", afirmou Costa a jornalistas, após reunião com o secretário estadual do Ambiente do Estado do Rio de Janeiro, Carlos Minc.

A Petrobras fechou em julho de 2009 empréstimo de cerca de R$ 10 bilhões com o BNDES para construir a refinaria, um projeto inicialmente orçado em US$ 8 bilhões e que atualmente não tem um valor fechado.

"A PDVSA tem até agosto para assumir a dívida contraída no BNDES, ou seja, 40% dos R$ 10 bilhões (pegos pela Petrobras), e fazer os aportes necessários. Se fizer, vai ser sócia; se não fizer...", disse o diretor da Petrobras, sem completar a frase.

veja também