MENU

Preços de transportes sobem menos, e inflação em SP desacelera, diz Fipe

Preços de transportes sobem menos, e inflação em SP desacelera, diz Fipe

Atualizado: Quinta-feira, 2 Junho de 2011 as 9:26

A inflação ao consumidor em São Paulo desacelerou de forma intensa em maio. O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) avançou 0,31% em maio, ante taxa de 0,70% em abril, informou a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) nesta quinta-feira (2).

Os preços do grupo alimentação subiram 0,19% nesta leitura, ante 0,46% na anterior. Os de transportes arrefeceram a alta para 0,19%, comparado a 1,44%, com a diminuição do impacto do reajuste dos combustíveis.

Os custos de despesas pessoais tiveram elevação de 0,41% em maio, contra 0,85% em abril, com um menor efeito da alta dos cigarros.

Os de saúde também subiram menos, 0,69%, após 1,55% em abril, quando foram fortemente impactados pelo reajuste dos remédios.

Os preços de habitação diminuíram um pouco o ritmo da alta, para 0,24%, contra 0,35%, sentindo menos o efeito de reajustes de tarifas como a de energia.

O IPC mede a variação dos preços no município de São Paulo de famílias com renda até 20 salários mínimos.          

veja também