MENU

Processo pede suspensão das vendas do iPhone 4

Processo pede suspensão das vendas do iPhone 4

Atualizado: Quinta-feira, 1 Julho de 2010 as 5:29

O escritório de advocacia norte-americano Ward & Ward, PLLC e Charles A. Gilman, LLC entrou ontem com um processo contra a Apple e a operadora de telefonia móvel AT&T representando dois consumidores que se queixam de problemas após a compra do iPhone 4. O processo, cujo conteúdo foi divulgado hoje pelo blog Gizmodo , se concentra nos problemas de design da antena do aparelho e acusa as duas empresas, entre outras coisas, de negligência, violação de garantia, prática enganosa de comércio, divulgação intencional de informações errôneas e fraude. Os consumidores, Kevin McCaffrey e Linda Wrinn, alegam que a Apple teria vendido os aparelhos ciente dos problemas. E pedem, além de uma indenização, a suspensão da fabricação, distribuição, divulgação e venda de qualquer unidade do iPhone 4 até que o "defeito de design e/ou fabricação" esteja resolvido. A ação foi protocolada em um tribunal do estado de Maryland. A íntegra do processo pode ser conferida no Gizmodo .

Vários compradores do iPhone 4 vêm reclamando de problemas de recepção de sinal da mais nova versão do celular da Apple desde os primeiros dias de venda do aparelho. O problema estaria ocorrendo por conta do design do produto, que colocou a antena interna em uma das laterais do smartphone. Assim, quem segura o aparelho com a mão sobre a área onde está a antena prejudica a recepção de sinal. Em uma resposta a uma das reclamações feita por e-mail , o presidente-executivo da Apple, Steve Jobs, disse não se tratar de um defeito. "Você está segurando do jeito errado".

Enquanto o assunto virou alvo de piadas entre concorrentes da Apple , os consumidores parecem não achar graça da situação. Segundo o site norte-americano Computerworld , outro escritório de advocacia, o KCR, está reunindo queixas de compradores do iPhone 4 para ingressar com uma ação conjunta contra a empresa de Steve Jobs. O site diz ainda que mais de 1,4 mil pessoas já relataram problemas, por e-mail, aos advogados.

O iPhone 4 começou a ser vendido no último dia 24  nos Estados Unidos , Reino Unido, França, Alemanha e Japão. Segundo a Apple, em apenas três dias, mais de 1,7 milhão de unidades do aparelho foram vendidas , o que representa o mais bem sucedido lançamento de um produto da história da empresa.

veja também