MENU

Produção de motocicletas cai 1,6% em abril

Produção de motocicletas cai 1,6% em abril

Atualizado: Sexta-feira, 6 Maio de 2011 as 9:03

As fabricantes nacionais de motocicletas encerraram o mês de abril com 178.646 unidades fabricadas, o que representa queda de 1,6% contra o mês de março. No acumulado do ano, os números apontam crescimento de 28,7% em relação ao mesmo período do ano passado, com 711.728 unidades.

Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (5) pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo).

De acordo com o presidente da Abraciclo, Roberto Akiyama, o setor das duas rodas ainda passa por uma fase de recuperação. “Lembramos que o primeiro trimestre também começou tímido e acabamos com os números próximos aos alcançados em 2008 – o melhor ano para o mercado de motocicletas. Estamos em um processo de recuperação e devemos alcançar nossas expectativas”, destacou em nota.

Exportação surpreende a entidade

As exportações, com 6.622 unidades vendidas, representaram alta de 43,7% em comparação a março, e um crescimento de 24,8% em relação ao mesmo mês de 2010.

“As vendas externas surpreenderam em abril. Mesmo com a desvalorização do dólar frente ao real, as exportações registraram um crescimento significativo. De qualquer forma, mantemos nossas previsões de queda de 14% para o final de 2011”, afirmou Akiyama.

Vendas internas

Apesar dos feriados nacionais presentes em abril, o início do segundo trimestre de 2011 apresentou estabilidade no faturamento aos concessionários. Segundo dados da Abraciclo, foram comercializadas no mês passado 173.735 unidades no atacado, contra 173.473 motocicletas em março, o que representa alta de 0,2%. No comparativo com abril de 2010, quando foram comercializadas 157.023 unidades, houve expansão de 10,6%.

Nas vendas ao público (varejo), foram emplacadas 146.124 motocicletas, o que significa queda de 8,9% em relação a março, quando foram comercializadas 160.320 unidades. Já em comparação com o mesmo mês do ano passado, houve aumento de 2,1%. Porém, considerando as vendas diárias, o mês de abril apresentou crescimento de 5,5% sobre o mês anterior, de acordo com a Abraciclo.

veja também