MENU

Receita Federal adverte que não envia e-mail aos contribuintes

Receita Federal adverte que não envia e-mail aos contribuintes

Atualizado: Segunda-feira, 26 Setembro de 2011 as 2:54

A Secretaria da Receita Federal advertiu novamente, nesta segunda-feira (26), que não envia cartas solicitando aos contribuintes a regularização de dados cadastrais e que também não envia a correspondência denominada “Intimação Eletrônica de Débitos” por e-mail. 

"Aliás, é importante ressaltar que a Receita não envia e-mail para os contribuintes. Todos os anos surgem vários tipos de denúncias onde falsários fazem se passar por servidores da Receita Federal para tentar extrair dados fiscais, bancários ou de outra natureza que venham expor a vida privada dos cidadãos", informou o Fisco.

O órgão admitiu, porém, que a correspondência intitulada “Intimação Eletrônica de Débitos" existe, mas é somente é enviada para a caixa postal eletrônica do contribuinte no portal e-CAC e "jamais por e-mail".

A Receita Federal orientou, ainda, os contribuintes a não abrir os arquivos anexados neste tipo de correspondência, que normalmente possuem programas que podem causar danos ao computador ou capturar informações confidenciais do usuário.

Segundo o Fisco, é importante que os contribuintes também não acionem links para endereços da internet, mesmo que lá esteja escrito o nome da Receita Federal do Brasil (RFB), ou mensagens como "clique aqui". Pediu ainda que as pessoas excluam imediatamente essas mensagem.

"Os contribuintes que precisarem fazer alterações, regularizações e consultas cadastrais, devem utilizar o site da Receita Federal, através do portal chamado e-CAC, o Centro Virtual de Atendimento da Receita, onde os serviços são utilizados apenas pelo contribuinte ou seus procuradores. Para utilizar o e-CAC, é necessário gerar um código de acesso ou possuir um certificado digital", informou o órgão.          

veja também