Segundo Air France, 60% dos voos são cancelados por greve nesta terça-feira

Na segunda, a companhia teve que suprimir 52% de seu programa. Greve gera perdas de 15 milhões de euros por dia, diz presidente do grupo.

Fonte: Globo.comAtualizado: terça-feira, 16 de setembro de 2014 11:39
Aviões da companhia parados no Aeroporto de Roissy Charles de Gaulle.
Aviões da companhia parados no Aeroporto de Roissy Charles de Gaulle.

A companhia área Air France confirmou que terá que cancelar 60% de seus voos em todo o mundo nesta terça-feira (16), na segunda jornada de greve de seus pilotos. O presidente do grupo Air France-KLM, Alexandre de Juniac, afirmou que a porcentagem de grevistas era de 60%, a mesma de segunda (15), e que isso vai se traduzir na manutenção de 40% de seu programa de voos.

"Para amanhã, segundo nossas estimativas, deveríamos garantir um pouco mais de 40% dos voos da quarta-feira, portanto deve melhorar ligeiramente", disse Juniac.

Na primeira jornada de greve, a Air France teve que suprimir 52% de seu programa e Juniac advertiu que isto poderia comprometer suas previsões de obter lucro este ano, levando em conta que cada dia de greve gera perdas de até 15 milhões de euros.

Os três sindicatos de pilotos que convocaram a greve - que pode prolongar-se até o dia 22 - protestam pelos planos da empresa francesa de desenvolver a filial de baixo custo Transavia, e em particular pelo fato de que as condições trabalhistas na filial sejam menos favoráveis.

O presidente da Air France, Frédéric Gagey, indicou em entrevista à emissora "Europe 1" que a direção propôs aos pilotos limitar a frota da Transavia como garantia que a filial de baixo custo não substitua as linhas exploradas pela marca Air France.

 
Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições