MENU

Tanques comunitários de leite são instalados no RN

Tanques comunitários de leite são instalados no RN

Atualizado: Segunda-feira, 18 Abril de 2011 as 10:30

O produtor Anderson Ricardo mora no município de Parelhas e está animado com a instalação de um tanque de resfriamento no município. Com o equipamento comunitário, Anderson poderá armazenar o leite e com isso garantir qualidade e negociar melhores preços.

Em Acari, município vizinho, a unidade mista de resfriamento do leite e a primeira implantada na região. O leite vem de várias comunidades e chega de moto e de caminhão todas as manhãs. Na unidade de recebimento são feitos testes de acidez e densidade. O produto aprovado vai para dois tanques com capacidade para armazenar 5 mil litros.

Até junho, 25 cidades da região que formam a bacia leiteira vão poder receber o leite que vem dos produtores nos tanques de resfriamento. Com a possibilidade de armazenamento, a estimativa da Agência de Desenvolvimento Sustentável é que a produção aumente em pelo menos 50%.

Atualmente, a região produz de 7 a 8 milhões de litros de leite por mês. “Nós estamos hoje na região que é a maior produtora de leite do RN. O pequeno agricultor não estava aparecendo e com os tanques de resfriamento eles vão adquirir o incentivo e comercialização justa. Vender o produto da agricultura familiar em conjunto vai ser muito melhor”, ressalta Bruno Fernandes, consultor da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Seridó.

Cerca de 5 mil famílias devem ser beneficiadas pelos tanques de resfriamento na região do Seridó.      

veja também