MENU

Vendas em supermercados sobem 3,8% em maio

Vendas em supermercados sobem 3,8% em maio

Atualizado: Quarta-feira, 30 Junho de 2010 as 1:03

As vendas reais (descontada a inflação) nos supermercados apresentaram crescimento de 3,82% em maio, em relação ao mesmo mês do ano passado, informou hoje a Associação Brasileira de Supermercados (Abras). Na comparação com abril, as vendas do setor subiram 0,03%. Nos cinco primeiros meses de 2010, o faturamento dos supermercados acumula alta de 5,7% ante igual período do ano passado. Os números são deflacionados pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Já o volume das vendas nos supermercados, entre janeiro e abril, apresentou crescimento de 7,1% em comparação a igual intervalo de 2009, de acordo com levantamento da Nielsen, encomendado pela Abras. O avanço da quantidade de produtos vendidos nos supermercados foi puxado pelo aumento de 15,7% de bebidas alcoólicas e de 12,2% das bebidas não alcoólicas. Também tiveram altas as cestas de perecíveis (9,2%), limpeza caseira (6,7%), mercearia salgada (5,5%), higiene e beleza (4,2%) e mercearia doce (3,5%). Segundo comunicado da Abras, o setor "continua vendendo bem, mantendo a sua trajetória de crescimento dos últimos meses". Sobre o desempenho de maio, a associação afirma que alguns produtos com muito peso nas vendas dos supermercados apresentaram redução de preços, como açúcar e leite longa vida. A Abras ressalta que em três das cinco regiões brasileiras houve deflação de preços em maio.

O valor da cesta de 35 produtos considerados de largo consumo, como alimentos, limpeza e beleza, apresentou estabilidade nos preços, mantendo em maio praticamente o mesmo valor de abril, de R$ 279,31. Já na comparação com maio de 2009, o valor da cesta avançou 5,56%. Os produtos com as maiores altas em maio ante abril foram cebola (14,44%), feijão (10,22%) e batata (2,97%). As maiores quedas no período ficaram com tomate (recuo de 20,47%), açúcar (queda de 4,46%) e leite longa vida (recuo de 3,02%).

veja também