MENU

Dez cidades concentram 25% das vagas criadas no país no período

São Paulo seguiu na liderança do ranking

Atualizado: Terça-feira, 24 Julho de 2012 as 8:16

Apenas dez cidades concentraram 25% das vagas formais criadas no primeiro semestre deste ano, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho. Em todo o país, as contratações formais superaram as demissões em 1,04 milhão, uma queda de 25,9% em relação ao mesmo período de 2011.
Dessas vagas, 259,7 mil – 24,8% do total – foram criadas em dez cidades: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Brasília, Goiânia, Franca (SP), Recife, Porto Alegre e Campinas (SP). A cidade de São Paulo seguiu na liderança do ranking, com 89,76 mil novos postos de trabalho no mês passado, seguida pelo Rio de Janeiro (38,48 mil) e Belo Horizonte (32,24 mil).
Na classificação por estados, no entanto, Minas Gerais ultrapassou São Paulo em criação de vagas no mês passado: Em Minas, foram 38,5 mil novas vagas formais em junho, enquanto em São Paulo esse número ficou em 25,2 mil.


Demissões
Na outra ponta, Coruripe, em Alagoas, liderou as demissões no semestre, com a perda de 7,1 mil postos de trabalho. Em seguida, aparacem Santa Rita (PB), com 3,68 mil vagas a menos, e Rio Largo (AL), que perdeu 3,57 mil empregos formais.
São do estado de Alagoas 14 das 50 cidades que mais demitiram de janeiro a junho, ainda de acordo com os dados do Caged. 

veja também