MENU

Governo do Amapá prorroga inscrições para 535 vagas

Governo do Amapá prorroga inscrições para 535 vagas

Atualizado: Segunda-feira, 16 Agosto de 2010 as 2:08

O governo do Amapá prorrogou até o dia 3 de setembro as inscrições para os concursos da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Secretaria da Inclusão Social e Mobilização Social e do Instituto de Administração Penitenciária. No total são 535 vagas. Os salários vão de R$ 853,91 a R$ 5.730,90 - veja aqui os editais .

Confira lista de concursos e oportunidades

Inclusão Social e Mobilização Social

A Secretaria da Inclusão Social e Mobilização Social do Amapá abriu 171 vagas de nível médio e superior – 10% das vagas serão reservadas a deficientes. O salário varia de R$ 853,91 a R$ 1.219,88.

São 96 vagas para candidatos com nível superior para os cargos de assistente social, psicólogo, pedagogo, sociólogo, administrador, contador, advogado, estatístico, economista, nutricionista, professor de educação física, analista de sistema e técnico em comunicação social.

Para nível médio são 75 vagas para agente administrativo, educador social, técnico em nutrição e dietética e digitador.

O candidato deverá pagar a taxa de R$ 115 para os cargos de nível superior e de R$ 70 para os cargos de nível médio.

Capelães

A Secretaria de Estado da Administração do Amapá oferece duas vagas de capelães militares para a Polícia Militar. O salário é de R$ 5.730,90.

Uma vaga é para pastor evangélico e a outra para sacerdote católico romano. Os aprovados assumirão o posto de primeiro tenente capelão.

Os candidatos devem ter concluído curso de formação teológica regular de nível superior, além de possuir pelo menos três anos de atividades pastorais como sacerdote ou pastor.

A taxa de inscrição é de R$ 115.

A seleção será composta por exame de conhecimentos (prova objetiva), teste de avaliação física, avaliação médica e exame documental e investigação social, além da sindicância da vida pregressa.

PM e Bombeiros

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros do Estado do Amapá abriram 42 vagas de nível superior para tenentes.

No Corpo de Bombeiros são 30 vagas para o quadro Complementar do Corpo de Bombeiros nos cargos médicos clínicos gerais, cirurgiões-dentistas, enfermeiros, farmacêuticos, psicólogos, assistentes sociais, fisioterapeutas, engenheiros mecânicos e analistas de sistemas.

Os aprovados serão nomeados 2&s30; tenente estagiário bombeiro militar e matriculados no curso de habilitação de oficial complementar. O aproveitamento no curso garantirá a promoção do 2&s30; tenente estagiário a 1&s30; tenente complementar. A remuneração do 2&s30; tenente estagiário é de R$ 5.335,36.

Na PM as vagas são para o posto de 2º tenente estagiário do quadro de oficiais policiais militares de saúde.

São 12 vagas para os cargos de médicos clínicos gerais, médico com especialização em ortopedia, médico com especialização em cardiologista, médico com especialização em psiquiatria, cirurgiões-dentistas com curso de especialização em periodontia ou prótese dentária, enfermeiros, farmacêutico-bioquímico e fisioterapeuta.

Após a habilitação no concurso público, o candidato será nomeado 2&s30; tenente estagiário policial militar do quadro de saúde e matriculado no Estágio de Adaptação e Serviço (EAS). O aproveitamento no EAS garantirá a promoção ao posto de 1&s30; tenente policial militar do quadro de saúde.

A remuneração bruta do 2&s30; tenente estagiário é de R$ 5.335,36. A remuneração bruta do 1&s30; tenente é de R$ 5.730,90.

Os candidatos passarão por exame de conhecimentos (prova objetiva), teste de aptidão física, exame médico e exame documental junto com a sindicância da vida pregressa.

Instituto de Administração Penitenciária

A Secretaria de Estado da Administração do Amapá inscreve para 320 vagas de nível médio e superior nos cargos de educador social penitenciário e agente penitenciário para o Instituto de Administração Penitenciária do Governo do Estado do Amapá – 10% das vagas serão voltadas a deficientes. Os salários variam de R$ 1.908,85 a R$ 2.726,97.

De nível médio as vagas são de agente penitenciário e educador social penitenciário II.

Para nível superior as vagas são de educador social penitenciário nas seguintes funções: pedagogo, advogado, analista de sistemas, assistente social, contador, enfermeiro, engenheiro civil, médico em várias áreas, professor de educação física e psicólogo.

O candidato deverá pagar a taxa de R$ 115 para o cargo de educador social penitenciário de nível superior e de R$ 95 para os cargos de agente penitenciário e educador social penitenciário de nível médio.

A seleção será composta de exame de conhecimentos, teste de aptidão física (somente para o cargo de agente penitenciário), avaliação psicológica para todos os cargos e exame documental e investigação social, além do curso de formação profissional.

Inscrições e prova

As inscrições devem ser feitas até as 18h de 3 de setembro pelo site http://concursos.fmz.org.br/ . As provas objetivas serão aplicadas em datas a serem divulgadas oportunamente.

Postado por: Thatiane de Souza

veja também