MENU

Abel exalta 'vitória histórica' e elogia Deco: 'Tenho uma admiração grande'

Abel exalta 'vitória histórica' e elogia Deco: 'Tenho uma admiração grande'

Atualizado: Quinta-feira, 24 Março de 2011 as 4:40

Abel Braga só vai assumir o time do Fluminense em junho, mas o técnico já acompanhou e vibrou com o resultado da equipe na noite de quarta-feira. De virada, no finzinho, o Tricolor derrotou o América-MEX (3 a 2) e se manteve vivo na luta por uma vaga nas oitavas de final da Libertadores. Para Abel, méritos para duas pessoas em especial: o interino Enderson Moreira (que será auxiliar de Abel) e do meia Deco, que voltou após dois meses de afastamento e comandou a virada.

- Não teve dedo nenhum do Abel, só pensamento positivo. Foi tudo do Enderson e do Deco. Foi uma vitória histórica. Às vezes surgem resultados inesperados, mas acho que isso pode ser o início de uma grande arrancada. Acho que foi resgatada a memória recente desse time sofredor e lutador. Mas, fora isso, vi uma capacidade individual muito grande - disse Abel, em entrevista à Rádio Brasil.

O treinador, que está nos Emirados Árabes, onde ainda comanda a equipe do Al Jazira, revelou que é fã do futebol de Deco há um bom tempo. No início da década passada até 2004, Deco foi o principal jogador do Porto, que chegou a ser campeão europeu.

- Conheço o Deco dos tempos de Portugal, ainda tenho negócios lá. É um jogador pelo qual tenho admiração muito grande. O que me marcou foi o caráter dele no Mundial em que vencemos o Barcelona. Ele me elogiou após aquele jogo, disse que não mandaram (Inter) dar porrada (nos jogadores do Barça), que marcaram muito bem (nota: na semifinal, o América-MEX havia batido muito no time do Barcelona) - acrescentou o treinador.     Abel comentou com um misto de orgulho e bom humor o fato de a torcida tricolor ter gritado seu nome no Engenhão nesta quarta-feira.

- Fico muito feliz, sei que algumas vezes serei chamado de burro, mas quem trabalha em clube grande tem que saber conviver com isso. Tenho uma relação com o clube e a torcida bem diferenciada em relação a outros profissionais. Espero que possa retribuir esse carinho mais uma vez - declarou.

Por fim, Abel reiterou que, embora não tenha assinado o contrato com o Fluminense, não há chance de haver uma reviravolta.     - O que se fala vale mais que assinatura - finalizou.

Com cinco pontos, o Fluminense ocupa a terceira colocação no Grupo 3 da Libertadores, atrás de Argentinos Juniors (sete) e América-MEX (seis). O próximo compromisso do Tricolor pela competição continental é no dia 6 de abril, em Montevidéu, contra o lanterna Nacional (quatro pontos).

O Fluminense volta a campo neste domingo, contra o Vasco. O jogo é válido pela quinta rodada da Taça Rio e será disputado no Engenhão, a partir das 18h30m (horário de Brasília).    

veja também